Hoje, dia 20 de novembro, é comemorado o Dia Nacional da Consciência Negra. Para comemorarmos essa data tão importante, separamos uma lista com 11 (10 + 1 menção honrosa) filmes realizados por diretores negros. São longas que marcaram a história, seja por prêmios, por seus temas marcantes e de extrema importância ou por terem quebrado tabus no cinema mundial e nacional.

 

1. Corra! (2017)

Um fotógrafo aceita conhecer a família da namorada. Ele está preocupado, porque é negro e tem receio dos pais da garota não o aceitarem, mas ela garante que eles não são racistas. A princípio, tudo vai muito bem, mas eventos estranhos começam a acontecer e o rapaz, ao investigar, descobre segredos muito sombrios sobre aquela família. Um terror psicológico instigante, bizarro, tenso e com uma baita crítica social. Filme de Jordan Peele, foi indicado a 3 Oscars (Melhor Filme, Melhor Ator e Melhor Diretor) e ganhou como Melhor Roteiro Original.

 

2. Moonlight – Sob a Luz do Luar (2017)

O filme de Barry Jenkins conta a história de Chiron, em três etapas da sua vida: da infância à vida adulta, mostrando as descobertas sobre sua identidade e sexualidade e os abusos que sofre ao longo de sua vida. Com 3 Oscars (Melhor Filme, Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Ator Coadjuvante), Moonlight ganha ainda mais importância ao ser o primeiro longa apenas com negros a ganhar o Oscar de Melhor Filme, além de ser o primeiro com um protagonista gay a ganhar esse prêmio. Além disso, Mahershala Ali foi o primeiro muçulmano a ganhar um Oscar de atuação e Joi McMillon foi a primeira mulher negra a receber a indicação ao Oscar de Melhor Edição.

 

3. 12 Anos de Escravidão (2013)

Em 1841, Solomon vive tranquilamente com sua família, mas tudo muda quando ele aceita um trabalho na cidade, é sequestrado, acorrentado e vendido como escravo. Ao longo de 12 anos, ele precisa aguentar humilhações e abusos físicos e psicológicos, para sobreviver. Filme do diretor Steve McQueen, foi baseado em um livro de memórias, escrito em 1853. Ganhador de diversos prêmios e indicado a muitos outros, ganhou os Oscars de Melhor Filme, Melhor Atriz Coadjuvante (para Lupita Nyong’o) e Melhor Roteiro Adaptado.

 

4. Infiltrado na Klan (2018)

O filme relata a história real de um policial negro, que conseguiu se infiltrar na Ku Klux Klan. Ele se comunicava com os membros, através de cartas e telefonemas, e enviava um policial branco no seu lugar, quando precisava estar presente. Após meses de investigação, ele se tornou o líder da seita e foi responsável por impedir vários crimes de ódio. Baseado no livro autobiográfico de Ron Stallworth, Black Klansman. O longa de Spike Lee é ganhador de prêmios, incluindo o GranPrix, do Festival de Cinema de Cannes, e o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado.

 

5. Selma – Uma Luta Pela Igualdade (2014)

O filme relata as marchas históricas de Martin Luther King Jr., da cidade de Selma até Montgomery, em busca de direitos eleitorais iguais para os afro-americanos, em 1965. O longa de Ava DuVernay foi indicado a diversos prêmios e ganhou o Globo de Ouro e o Oscar de Melhor Canção Original.

 

6. Os Donos da Rua (1991)

No longa, o garoto Tre se comporta mal na escola e é enviado, por sua mãe, para viver com seu pai, pois ela acha que é o melhor para o menino, para que ele aprenda lições de vida. Vivendo em uma região marcada pelo crime e a pobreza, Tre faz amigos que não têm o mesmo apoio que ele e se veem envolvidos em situações perigosas e trágicas. O filme ganhou prêmios e o cineasta John Singleton tornou-se a pessoa mais jovem e o primeiro negro a ser indicado ao Oscar de Melhor Diretor.

 

7. Filhas do Pó (1991)

O drama conta a história de uma família de descendentes de escravos, em 1902, que, juntos, lutam por sua liberdade. Filme da cineasta Julie Dash, foi o primeiro longa, dirigido por uma afro-americana, a entrar em circuito comercial nos Estados Unidos.

 

8. Amor Maldito (1984)

No longa dirigido por Adélia Sampaio, Sueli vive um relacionamento com Fernanda, mas, por conta de uma traição, acaba grávida. Sem apoio, ela comete suicídio, mas a culpa da morte cai sobre Fernanda. Foi o primeiro filme dirigido por uma mulher negra a entrar no circuito brasileiro.

 

9. Um é Pouco, Dois é Bom (1970)

Primeiro filme brasileiro feito por um diretor negro (Odilon Lopez), é dividido em duas partes e conta duas histórias, totalmente independentes, sobre os costumes de famílias de classe média de Porto Alegre, no início dos anos 1970. A primeira história se chama Com um Pouquinho de Sorte, e relata a crise pela qual um casal passa, após a demissão do marido; a segunda se chama Vida Nova por Acaso e conta sobre dois ladrões, que acabaram de sair da prisão.

 

10. Pantera Negra (2018)

Primeiro filme sobre um super-herói negro, conta a história de T’Challa, herdeiro do avançado e escondido reino de Wakanda, que precisa liderar seu povo em direção a um novo futuro e, para isso, confrontar um adversário do passado. O longa de Ryan Coogler ganhou diversos prêmios, incluindo os Oscars de Melhor Trilha Sonora Original, Melhor Figurino e Melhor Direção de Arte.

 

11. The Homesteader (1919) – Menção Honrosa

Provavelmente, o primeiro filme dirigido por um negro (Oscar Micheaux), que também assina o roteiro e a produção. O material foi perdido e o longa não pode ser visto, hoje, pelo público.

 

 

E você? O que acha desses filmes? Já assistiu algum? Deixe sua opinião!

Na UOL Play você pode assistir aos melhores filmes e séries sob demanda, além de vários canais de TV por assinatura. Tudo isso no mesmo lugar. Gostou? Experimente por 7 dias grátis! Clique e confira!
Os Livros Mais Vendidos de Hoje: https://amzn.to/3nfT3tC
Roupas com Estampas Geek: https://amzn.to/38ykhrx
Quadros e Placas Decorativas Geek: https://amzn.to/3kjL8JR
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.