Comemora-se neste sábado, 21 de setembro, o Dia da Árvore. Em meio a tristes notícias de queimadas que estão tomando nossas florestas, desmatamentos desmedidos e falta de cuidados com a natureza, precisamos falar cada vez mais sobre conscientização ambiental.

Para medidas a longo prazo, uma das principais coisas que podemos fazer é ensinar as crianças sobre a importância das vidas naturais e de sua preservação, para que o nosso planeta continue a ser um local habitável onde as futuras gerações possam crescer e usufruir dos mesmos recursos que nós, de forma consciente.

Uma das formas de tratar desse assunto com as crianças é por meio da literatura. São diversos os livros infantis que podem ser lidos para os mais novos ou, até mesmos, deixados para os mesmos possam manusear e aprender, com os textos e ilustrações, a preservar o meio ambiente.

Confira 5 livros infantis para ensinar as crianças a cuidar do planeta:

A Árvore Generosa, de Shel Silverstein 

Dia da Árvore | 5 livros para ensinar as crianças a cuidar do planeta

Todos os dias um menino vai até uma árvore para se pendurar em seus galhos, comer suas maçãs e descansar sob sua sombra. O menino ama a árvore; e ela, feliz, o ama também. Porém, à medida que o tempo passa, o garoto cresce e começa a desejar mais do que a simples companhia de sua amiga para brincar e repousar. Ele passa a querer dinheiro, uma casa, uma esposa… E a árvore, sem muitos recursos para ajudá-lo mas disposta a qualquer coisa para vê-lo feliz, vai se desfazendo aos poucos, mostrando que, pelo amor do menino, pode abrir mão de sua própria vida.

Veja Também!  Malévola: Dona do Mal | O que o filme pode abordar?

Lançamento no Brasil pela Companhia das Letrinhas.

O Menino do Dedo Verde, de Maurice Druon

Dia da Árvore | 5 livros para ensinar as crianças a cuidar do planeta

Um clássico da literatura para crianças e jovens em todo o mundo. Era uma vez Tistu…Um menino diferente de todo mundo. Com uma vidinha inteiramente sua, o pequeno de olhos azuis e cabelos loiros, deixava impressões digitais que suscitavam o reverdecimento e a alegria. As proezas de seu dedo verde eram originais e um segredo entre ele e o velho jardineiro, Bigode, para quem seu polegar era invisível e seu talento, oculto, um dom do céu. Até o final surpreendente e singelo.

Lançamento no Brasil pela José Olympio.

Um Dia, Um Rio, de Leo Cunha e André Neves

Um dia, um rio é um lamento, um grito de socorro tardio de um rio indefeso que não tem como reagir ao ser invadido pela lama da mineração que destrói suas águas e as vidas que abriga. O livro traz a fala doce e amargurada de um rio que perdeu sua vocação e sua voz e por isso lamenta sua sina como se cantasse uma triste modinha de viola, recordando o tempo em que alimentava de vida seu leito, suas margens e as regiões por onde passava. Com lirismo e contundência, dialoga sobre o desastre ambiental que abalou a Bacia do Rio Doce, em 2015. O mesmo trágico destino que segue destruindo a vida de muitos rios brasileiros.

Veja Também!  Cinema | Estreias da Semana (17/10)

Lançamento no Brasil pela Pulo do Gato.

Se eu fosse uma árvore, de Talita Nozomi

E se eu fosse… um pássaro, uma flor, um riacho? Com muita delicadeza, este livro transforma o leitor em uma árvore. Uma árvore maluca, é verdade, mas também muito bonita e acolhedora. Vale a pena deixar de ser gente um pouquinho, para atrair passarinhos e ter sementes que voam até alto-mar. Afinal, mesmo tendo de enfrentar o inverno, uma árvore passa também pela primavera. E é muito gostoso deixar tudo ao nosso redor mais vivaz e alegre.

Lançamento no Brasil pela Gaivota.

Terra de Cabinha, de Gabriela Romeum, Sandra Jávera e Samuel Macedo

Cabra da peste, cabrinha, cabinha. Assim é conhecida a criança que vive no Cariri, um sertão verde, quase um oásis, em meio ao semiárido brasileiro, que cobre quatro Estados do nordeste: Ceará, Pernambuco, Piauí e Paraíba. Terra das pinturas rupestres, do Padre Cícero, do poeta Patativa de Assaré, lugar em que menino vira rei, caça jumento e foge de encantados, o Cariri se destaca, na extensa pesquisa sobre a infância conduzida por Gabriela Romeu em todo o Brasil, como um delicado relicário: um lugar em que o brincar traz muitos outros sentidos que podem passar desapercebidos para muita criança e gente grande da cidade.

Veja Também!  Dia dos Professores | 6 séries com professores inesquecíveis

Lançamento no Brasil pela Editora Peirópolis.

Qual destes livros você leria ou indicaria para uma criança? Deixe seu comentário!

 

Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.