Filmes como Loja de Unicórnios por muitas vezes não são completamente compreendidos. Por passar uma ideia camuflada por trás de eventos que parecem irreais ou estranhos, é difícil perceber o que realmente o autor quis dizer com tudo. No caso do novo original da Netflix, essa metáfora está ligada aos unicórnios.

Kit (Brie Larson) é uma garota que teve todos os seus sonhos destruídos. Após ser obrigada a voltar para a casa dos pais uma vez que é expulsa da Faculdade de Artes, ela procura por um emprego formal em um escritório, pois precisa crescer. Porém, tudo muda quando ela recebe um convite para visitar A Loja.

Lá, ela conhece O Vendedor (Samuel L. Jackson). Ele lhe oferece algo irreal e impossível: a compra de um unicórnio. Contudo, para conseguir realizar uma compra tão importante, a garota precisa seguir alguns passos. (Confira aqui a resenha do filme)

Questionamentos surgiram após o final de Loja de Unicórnios

No final do filme, Kit finalmente consegue seu unicórnio. Ele está pronto para que ela o leve para casa. Mas a garota percebe que não precisa mais dele, que tudo está bem agora. Inclusive, ela conta para o unicórnio que tem outra moça que está realmente necessitada do amor dele e pede para que seja seu melhor amigo.

Para muitos, o final – ou o filme inteiro – não fez sentido algum. Afinal, o que exatamente significa o unicórnio? E por que Kit decidiu deixar ele para a outra garota? Ela não queria tanto o unicórnio?

Qual é a explicação?

Se essas questões surgiram na sua cabeça, esta matéria é para você. Pois o filme traz uma metáfora bem interessante, a de abraçar ideias infantis mesmo quando adulto.

Ao final do filme, Kit recebe seu unicórnio, que é exatamente como ela imaginou. A Loja, O Vendedor e o Unicórnio são reais. A garota tocou nele, Virgil o viu. Mas isso tudo é real no mundo do filme, óbvio. Porém a representação deles é maior ainda: uma coleção de emoções.

É tudo o que Kit estava sentindo no momento. A visão de sua infância estava ali. E o desapego da garota é exatamente isso: o crescimento. Afinal, a garota é mostrada como muito infantil em todos os momentos. Logo, deixar o unicórnio para outra pessoa é dizer adeus a essa versão infantil no qual ela se agarrava com todas as forças.

As tarefas que Kit recebeu a ajudaram a crescer e a perceber que ser uma adulta não era algo tão ruim assim. Inclusive, melhorou seu relacionamento com seus pais e encontrou um namorado. Ela finalmente se sentiu pronta. Então não precisava mais do unicórnio ao final de Loja de Unicórnios.

Mas isso não é tão ruim quanto parece. Ela permanece com sua paleta de cores vibrantes e ideias malucas. Sua essência continua ali. Contudo agora há uma Kit mais madura para lidar com isso. Afinal, você não precisa de um unicórnio para poder ver diversão e propósito no mundo.

Na UOL Play você pode assistir aos melhores filmes e séries sob demanda, além de vários canais de TV por assinatura. Tudo isso no mesmo lugar. Gostou? Experimente por 7 dias grátis! Clique e confira!
Experimente o Telecine por 30 dias grátis! Clique e confira!
Os Livros Mais Vendidos de Hoje: https://amzn.to/3nfT3tC
Roupas com Estampas Geek: https://amzn.to/38ykhrx
Quadros e Placas Decorativas Geek: https://amzn.to/3kjL8JR
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.