Meninos Antes de Flores é um popular drama sul-coreano que foi ao ar em 2009 pela emissora KBS2. Completo em uma única temporada de 25 episódios, também é conhecido pelos nomes de Boys Over Flowers ou mesmo Boys Before Flowers e está disponível no Brasil pela Netflix.

Confira o trailer logo abaixo:

Sobre o Enredo

Geum Jandi é uma garota humilde que trabalha na lavanderia de seus pais. Ao fazer uma entrega na Escola Shinhwa, um colégio de elite, acaba salvando um garoto do suicídio e seu ato heroico a rende uma bolsa de estudos. Lá ela conhece o F4, grupo formado pelos quatro garotos mais lindos e ricos de toda a Coreia. O líder deles é Go Junpyo, que se diverte humilhando todos que cruzam o seu caminho, incluindo Jandi, mas logo acaba se apaixonando pela garota.

Entretanto, sua forma de demonstrar amor é um tanto ridícula, visto que o próprio nunca recebeu amor na vida: as pessoas só se interessam por ele por sua aparência e dinheiro, e nem mesmo sua família o quer bem. Criado em um ambiente hostil, só sabe tratar mal a todos, mas pode aprender e muito sobre a vida real ao lado de Jandi.

O drama é uma das muitas versões de Hana Yori Dango, mangá japonês lançado entre 1993 e 2003 que rendeu inúmeros filmes e séries não só no Japão e na Coreia do Sul, mas também em Taiwan e na China. Meteor Garden e Moon River são algumas de suas outras faces.

Veja Também!  Onde Assistir | Série Schitt's Creek online

É preciso ter em mente, entretanto, que se trata de uma produção um tanto antiga e, portanto, de valores ultrapassados: em tempos recentes, Meninos Antes de Flores tem se tornado um assunto quente entre os fãs de k-dramas por seus aspectos um tanto quanto machistas. As críticas são validas, mas é preciso considerar que a trama não é lá tão atual para condizer com tais expectativas.

Elenco e Personagens

Foi este drama que lançou a carreira de Lee Minho: o astro já estava atuando em algumas produções de baixo-orçamento, mas Meninos Antes de Flores o lançou para o estrelato. E não e a toa, dada a tão imponente presença de Go Junpyo, personagem que tem lá seus muitos defeitos como um mimado, um tanto lerdo e até certo ponto machista, mas que justamente por isso se torna difícil de ser interpretado sem deixar o papel caricato.

Kim Hyun Joong já era um nome mais conhecido por, desde 2005, integrar o grupo musical SS501, sucesso do k-pop. Ele é quem entrega Yoon Jihoo, o personagem que fecha o triângulo amoroso e conquista muitos espectadores por sua personalidade mais tranquila — embora seja sabido hoje de grandes polêmicas envolvendo o ator.

Os outros membros do F4 não tiveram tanta sorte no decolar de suas carreiras e hoje são meio esquecidos pelo público, ao contrário da diva Ku Hyesun. Ela já tinha feito alguns sucessos antes, como The King and I (2007), e manteve a carreira com Blood (2015), apesar de estar um pouco sumida hoje em dia.

Veja Também!  Resenha | O Impossível (2012)

Jandi é menos interessante que Tsukushi Makino, sua versão em Hana Yori Dango (2005), mas o principal defeito da personagem em qualquer adaptação é começar muito bem, como uma protagonista girl power que não abaixa a cabeça, mas acabar se rendendo ao longo da narrativa.

Direção e Fotografia

A direção é de Jeon Kisang, que emplacou o também sucesso To The Beautiful You (2012), mas que infelizmente faleceu em 2018 vítima de um acidente de carro. Seu trabalho é bem novelesco, uma característica dos dramas da época e que funcionava muito bem então, mas que hoje em dia pode causar certa estranheza nos espectadores mais jovens.

Resenha | Meninos Antes de Flores – 1ª Temporada (2009)

A fotografia é em geral bem simples, algo mais próximo às novelas que aos filmes, por assim dizer, mas aproveita as cenas ao ar livre para explorá-las ao máximo, trazendo grandes planos gerais para enfatizar as belezas naturais sempre que possível. Os closes também são usados para dar maior dramaticidade às atuações.

Cenografia e Figurinos

Além dos cenários naturais paradisíacos, a cenografia é bem condizente com a realidade dos protagonistas: o lar de Jandi é humilde, como sua família, mas também não está caindo aos pedaços. É uma casa normal, de uma família normal. Por outro lado, a escola Shinhwa e a mansão da família de Junpyo são tão chiques que chegam a parecer surreais, em um contraste escancarado da diferença de classe entre os personagens.

Veja Também!  Resenha | O Diabo Veste Prada (2001)

O figurino é a parte mais incrível do drama: Meninos Antes de Flores teve um grande impacto na Coreia do Sul com o conceito de “flower boy”, levando homens a se preocuparem mais com a aparência. Foi uma era com grande aumento de cosméticos masculinos, além das vestimentas no estilo mais “mauricinho”, com elementos “marinheiro”, e desprendendo a exclusividade feminina dos tons pastéis, empregando o rosa, xadrez e florais a peças destinadas a homens, iguais as utilizadas pelos personagens.

Todos queriam ser um membro do F4, e mesmo passada a febre do drama a tendência de cuidados masculinos se manteve e até hoje é um mercado muito importante no país, com influências também dos idols de k-pop, sempre com visuais impecáveis. Meninos Antes de Flores pode até não ter amadurecido bem em alguns aspectos, mas sua importância é inegável.

E você, já viu esse k-drama de sucesso? Conta pra gente nos comentários o que achou!


Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  
 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.