Indicado ao Oscar de Melhor Filme, 1917 é um longa de drama e ação dirigido por Sam Mendes. No Brasil, o filme chegou aos cinemas na última quinta-feira, 23 de janeiro, com classificação 14 e 1h59m de duração.

Confira o trailer de 1917:

Sobre o Enredo

Ambientado na Primeira Guerra Mundial, dois soldados britânicos recebem a missão quase-impossível de atravessar o território inimigo e chegar à linha de frente até o amanhecer para impedir um ataque que pode ceifar a vida de 1600 aliados.

Tenso do começo ao filme, a história mistura drama, ação e suspense com sua emocionante narrativa de força, determinação e principalmente esperança. O enredo se baseia nos relatos de Alfred Mendes, avô do diretor, que foi soldado ativo durante a guerra.

Elenco e Personagens

Quem protagoniza 1917 é George MacKay, astro britânico conhecido principalmente por sua performance em Capitão Fantástico (2016). Sua participação no filme começa tímida, ofuscado pelo heroísmo de seu colega de missão, mas se desenvolve magnificamente ao decorrer do filme.

Dean-Charles Chapman, conhecido como Tommen Baratheon na série Game of Thrones, traz muita emoção e sangue no olho em uma representação exímia do desespero e da força de vontade. Seu personagem é incrivelmente bem escrito, mas a ótima execução é crédito do ator.

A participação de Benedict Cumberbatch não é nenhuma surpresa, dada sua presença já afirmada no trailer, mas nem por isso o ídolo de Sherlock (2010) deixa de impressionar com uma cena curta, mas de grande importância para o desfecho da narrativa. Um astro digno de seu reconhecimento.

Direção e Fotografia

Sam Mandes já levou o Oscar de Melhor Diretor por sua obra de arte, Beleza Americana (1999), e deve conquistar sua segunda estatueta neste ano.

Com uma jogada técnica de trabalhar com somente dois planos-sequência e o mínimo possível de cortes e edições, muito bem mascarados para dar o efeito de tomada única, o filme de apenas duas horas de duração acompanha a jornada dos mensageiros de guerra da forma mais íntima possível, aproximando o espectador de suas experiências entre a vida e a morte.

Com a licença de falar em primeira pessoa em uma resenha, seguimos os protagonistas como se, de fato, estivéssemos lá com eles. Somos convidados a sentir seus medos, seus anseios e suas dores. Criamos verdadeiros laços com os personagens e nos emocionamos com cada passo de sua tensa e perigosa, porém necessária aventura.

O enquadramento é parte essencial do filme, sensacional principalmente nas cenas em que estamos atrás dos personagens, com uma visão limitada devido as suas costas — elemento que poderia atrapalhar, mas é extremamente útil para a construção do sentimento de ansiedade. Não estamos acostumado com tal forma de filmagem, e o filme brinca com o que conhecemos como fotografia. Isso para não falarmos das cenas iluminadas a fogo, simplesmente impressionantes.

Em meio a tantos filmes de guerra, essa sacada de Sam Mendes é o que eleva a produção e faz ser totalmente merecedora do Melhor Filme no Oscar.

Cenografia e Figurino

Graças a uma cenografia muito bem trabalhada o público é convidado a visitar e conhecer o interior de um campo de batalha, suas trincheiras, dormitórios e a diferença entre como as forças britânicas e alemãs, em comparativos lançados pelos próprios protagonistas. Consequentemente, encara-se também a cara da morte que assombra tais cenários — a frequência em que se vê corpos mortos, em decomposição e cercados por ratos é assombrante.

O figurino se resume a uniformes de soldados, que se diferem de acordo com sua posição hierárquica. Em momentos de fuga percebe-se a importância dos tons cáqui para o disfarce e camuflagem.

Resenha | 1917 (2019)

Do começo ao fim, 1917 é uma verdadeira obra de arte digna de Oscar.

E você, o que achou do filme? Conta pra gente nos comentários!


Inscreva-se no nosso canal
 
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.