A nova série espanhola original da Netflix é A Desordem Que Ficou, que conta com uma temporada de 9 episódios. Ela é uma criação de Carlos Montero, o mesmo de Elite. E o novo suspense traz o já conhecido Áron Piper, interprete de Ander em Elite. Você pode conferir a ficha técnica da série clicando aqui.

Enredo de A Desordem Que Ficou

A série acompanha duas mulheres em linhas temporais diferentes. Ambas professoras de Literatura, mas uma morta e outra sendo a substituta da “professora suicida”. E, no bom estilo dos suspenses espanhóis que estão chegando na plataforma, passamos a temporada inteira tentando descobrir se a morte de Viruca (Bárbara Lennie) foi um suicídio ou um assassinato.

Veja Também!  Criando Dion | Quando a 2ª temporada chega na Netflix?

Enquanto vemos na linha temporal de Viruca as razões que levaram a sua morte, na de Raquel (Inma Cuesta), vemos a nova professora cada vez mais intrigada pela a história de sua antiga colega e vivendo o próprio inferno com uma turma de alunos nada calorosos. Entre chantagens, ameaças de morte e uma série de infortúnios, ela passa a encarar a própria insanidade. Teria sido esse o motivo para o fim de sua colega?

A Desordem Que Ficou fala exatamente sobre a desordem deixada por Viruca após não apenas sua morte, mas seu envolvimento com os alunos. Ela era uma professora muito competente, mas acabou se envolvendo de forma muito pessoal e os assédios causados pelos alunos foram realmente enlouquecedores. E o enredo nos intriga e nos coloca na mesma posição que Raquel, a de investigadores. Assim como em Elite, Carlos nos faz querer acompanhar cada detalhe para que não percamos a próxima pista do que realmente aconteceu.

Elenco e personagens

Raquel é extremamente assustada no começo. Infeliz no casamento, tendo sido muito manipulada pela mãe e passiva sua vida inteira, ela se encontra em uma posição onde precisa demonstrar sua autoridade ou de fato será passiva para com seus alunos. E, com esses alunos, a passividade pode significar perigo de vida. Não é algo muito difícil de se ver em escolas públicas, infelizmente.

Mas, assim como na vida real, os alunos que desafiam aos professores são aqueles com questões internas má resolvidas. E a série deixa isso bem claro. Mas, por outro lado, temos Viruca indo de uma mulher forte, decidida e apaixonada pela sala de aula, a um desequilíbrio que pode ou não ter causado sua morte.

No fim, ambas as atrizes conseguem passar muito bem cada uma dessas faces. É incrível ver o desenvolvimento de ambas em linhas temporais diferentes. E não apenas delas, mas dos atores que interpretam os adolescentes também.

Direção e fotografia de A Desordem Que Ficou

Aqui, a fotografia é muito bem trabalhada ao trazer imagens em tons mais frios e uma sensação de algo soturno. Afinal, em ambas as linhas temporais, temos uma confusão de sentimentos ruins acontecendo. Isso faz com que a mensagem seja muito bem estabelecida.

Por fim, a direção não fica para trás. Com montagens de cenas nada confusas, conseguimos saber bem em qual tempo a cena está e como elas se conectam.

Cenografia e figurinos

Por fim, a cenografia traz uma região mais de interior da Espanha, então temos casas de uma arquitetura mais antiga, assim como a escola também. Já os figurinos são roupas comuns que vemos no dia a dia, claro que sempre com mais casacos e calças por conta do frio.

E então, o que achou de A Desordem Que Ficou? Conta pra mim nos comentários.



Experimente o Telecine por 30 dias grátis! Clique e confira!
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.