A 2ª temporada de Altered Carbon chegou à Netflix há uma semana depois de uma espera de dois anos. Se quiser se lembrar dos acontecimentos da 1ª temporada, clique aqui para ver o resumo completo.

Enredo

Altered Carbon continua sua história seguindo Takeshi Kovacs, dessa vez interpretado por Anthony Mackie. Kovacs é ressuscitado mais uma vez por um Matusa requerendo seus serviços, e agora também tem o objetivo de reencontrar Quell. Nessa sequência, os conflitos gerados são na maior parte por tensões políticas. Kovacs está em seu mundo natal, o Mundo de Harlan, que passa por uma transição de governo e revoluções quellistas.

Na segunda temporada, a série parece enfatizar uma temática de acesso ao interior da mente, seja com a memória de Quell, seja com o processamento de Poe, ou ainda outros momentos em que as mentes dos personagens são acessadas. Muito do que se viu na 1ª temporada permanece: Altered Carbon continua uma série cheia de ação, personagens femininas fortes e cenas quentes. O ritmo dos acontecimentos parece ser um pouco mais acelerado do que antes, talvez pela redução de dois episódios em relação a temporada anterior.

Felizmente, Altered Carbon não cai em desgraça como acontece com muitas séries super esperadas depois da renovação. Apesar de não ser uma temporada espetacular, ela atinge as expectativas e dá um gostinho de quero mais.

Elenco e personagens

O personagem principal, Takeshi Kovacs, é interpretado agora por Anthony Mackie, mas os atores de versões passadas do Emissário continuam aparecendo, principalmente Will Lee Yun.

Chris Conner novamente faz o papel de Poe, um dos coadjuvantes mais interessantes já vistos. Mesmo acompanhando o senhor Kovacs, nessa temporada há espaço para que ele próprio se desenvolva enquanto personagem importante da história, com dilemas e mais expressão sentimental do que antes.

Uma nova personagem é recebida em Altered Carbon para colaborar (ou não) com Tak. A caçadora de recompensas Trepp é interpretada por Simone Missick (Luke Cage).

Direção e fotografia

A criadora da série, Laeta Kalogridis, permanece nessa temporada como produtora executiva e roteirista, mas Alison Schapker (Lost) chega para reforçar a equipe como showrunner. A fotografia de Altered Carbon mais uma vez não desaponta, entregando uma temporada visualmente agradável e esteticamente bem combinada.

Cenografia e figurino

Apesar de se passar em outro mundo (literalmente), não há tantas diferenças entre os cenários da primeira e os da segunda temporada. Os figurinos mantém um pouco do padrão também, com trajes militares, algumas roupas mais sociais nos contextos políticos, nada muito extravagante para a trama distópica.

E aí, o que achou da segunda temporada? Ansioso para mais?

Na UOL Play você pode assistir aos melhores filmes e séries sob demanda, além de vários canais de TV por assinatura. Tudo isso no mesmo lugar. Gostou? Experimente por 7 dias grátis! Clique e confira!
Experimente o Telecine por 30 dias grátis! Clique e confira!
Os Livros Mais Vendidos de Hoje: https://amzn.to/3nfT3tC
Roupas com Estampas Geek: https://amzn.to/38ykhrx
Quadros e Placas Decorativas Geek: https://amzn.to/3kjL8JR
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.