Sobre o que é Arrow? Bem, vamos lá! O playboy multimilionário Oliver Queen (Stephen Amell) retorna à civilização após ter naufragado por cinco anos em uma ilha deserta.

Confira a ordem cronológica das séries da DC (Arrowverse)

Starling City – a que ele retorna – foi invadida por elementos do submundo. É seu papel autonomeado limpar as ruas com seu fiel arco e flecha. Mas será que sua antiga namorada, Laurel Lance (Katie Cassidy) o perdoa por uma infidelidade passada? E por que sua amada mãe Moira (Susanna Thompson) se casou novamente em sua ausência?

Pois essa é a premissa da série baseada na franquia da DC Comics “Arqueiro Verde”. Os produtores deixaram cair o “verde” na esperança de que um título de palavra única evocativa atrairia mais público. Mas quem está enganando quem?

Veja Também!  Gladiador Dourado | Roteiro do novo filme da DC já está pronto; confira detalhes

Arrow é uma história em quadrinhos que foi direto para a tela. O piloto é um thriller cheio de ação que também consegue encaixar um agradável triângulo romântico. Além disso podemos desfrutar de uma intriga interfamiliar, um herói imperfeito e, é claro, um mistério. Como diabos, Oliver aprendeu muito sobre arco e flecha em uma ilha aparentemente deserta?

Arrow reúne boas bases no enredo com seu herói imperfeito

A série tem outros elementos que causam impacto e nos prendem na trama: o elenco, por exemplo. Quem teve a ideia extremamente brilhante de conseguir a veterana atriz Thompson como a mãe possivelmente traiçoeira de Oliver? Essa mulher é demais e conquistou uma legião de fãs quando fez Star Trek.

Veja Também!  Resenha | Pokémon: Detetive Pikachu (2019)

Às vezes, é possível ver como o Arrow tem como objetivo tornar-se uma série mais ambiciosa e interessante. Ele se relaciona com as noções de decadência urbana e responsabilidade pessoal, em vez de usá-las para a prática de alvos fácil.

A produção começou boa. Isto é fato. E com o decorrer dos episódios, podemos notar que vem melhorando mais e mais. O problema é que seu enredo é mais opressivo do que escapista. Arrow se esconde nas sombras de seu material de origem, em vez de buscar a sua própria luz no fim do túnel.

Resenhas

Veja Também!  Resenha | After Maria (Original Netflix)
 
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.