Batalhas é um filme de drama e romance norueguês de 2018, dirigido por Katarina Launing e escrito por Karsten Fullu e Maja Lunde. O filme é estrelado por Lisa Teige como Amalie, Fabian Svegaard Tapia como Mikael, Vebjørn Enger como Aksel, Stig R. Amdam como Bjørn, Silje Marie Baltzersen como Ida e Charlott Utzig como Charlotte.

Enredo de Batalhas

O filme acompanha Amalie (Lisa Teige), uma jovem que vive com privilégios nos arredores de Oslo. Ela se levanta cedo todas as manhãs para ter aulas de dança moderna em uma escola de prestígio, onde a professora é dura com seus alunos, e sente que Amalie não está colocando paixão em seus movimentos. Um dos ex-alunos do professor diz à turma que fará um teste para uma vaga em sua companhia de dança em Amsterdã, o que mudará a carreira do dançarino.

Então Amalie tenta intensificar seu treino, o que ela não sabe é que seu pai está atrasado no pagamento da hipoteca e a casa está em execução hipotecária. Os dois são forçados a pegar seus pertences e se mudar para um pequeno apartamento em um bairro de classe média baixa em Oslo.

Ela tenta encontrar um espaço para praticar, e em uma sala de prática do centro juvenil, ela conhece Mikael (Fabian Svegaard Tapia), que a apresenta à sua equipe de dança e seu amor pelo hip hop. Ele a convida para uma batalha de dança onde os dançarinos fazem estilo livre e a partir dai nasce um amor pelo estilo e entre os dois dançarinos.

Batalhas é um daqueles filmes em que a história é totalmente previsível, e isso não importa nem um pouco pois mesmo assim ganha o coração do público com seu enredo leve e um romance bem simples que o enredo entrega.

Elenco e personagens

Uma coisa que Launing e a escritora Maja Lunde não fazem é fazer de Batalhas um referendo sobre ricos e pobres. Askel é um idiota rico, mas não é esse idiota completo contra o qual você quer torcer. Em geral, você é indiferente a ele, porque está se concentrando na jornada de Amalie para se encontrar e em seu romance com Mikael.

Amalie é uma personagem um tanto quanto problemática, é normal que todos os personagens, principalmente protagonistas, tenham traços problemáticos, características que precisem ser corrigidas (ou não), e coisas do tipo. Isso não só é comum, como necessário para que um personagem tenha a “cola” necessária para criar empatia com quem está assistindo. Como é de se imaginar, se estes personagens fossem todos certinhos nada teria graça, e talvez nem houvesse história para contar.

O elenco em si é muito bem entrosado e com muita química entre eles, deixando o pbúlico mais entretido com a história.

Direção e fotografia

A direção de Katarina Launing forçou um pouco em criar um filme de com bastante dança, as cenas são forçadas e da para o público perceber isso desde o inicio, mas no geral o longa teve uma boa direção e produção.

A fotografia do filme é bem colorida, com uma paleta de cores vastas e vivas.

Cenografia e figurinos

É interessante como as diferenças sociais são retratadas no filme, com uma diferença clara entre a burguesia e o subúrbio da Noruega, incluindo a diferença entre os estilos de dança.

Os figurinos são parte importante da construção dos personagens, como por exemplo Askel que sempre está muito mais largado e despojado do que Amalie.

E você já assistiu Batalhas ? Conta tudo que achou aqui nos comentários!

 


Experimente o Telecine por 30 dias grátis! Clique e confira!
Os Livros Mais Vendidos de Hoje: https://amzn.to/3nfT3tC
Roupas com Estampas Geek: https://amzn.to/38ykhrx
Quadros e Placas Decorativas Geek: https://amzn.to/3kjL8JR
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.