Caído do Céu é um filme mexicano que conta a saga de Pedro Infante a caminho do céu. A produção de 107 minutos, que mistura comédia, drama, romance e música estreou em 24 de dezembro de 2019 e tem classificação indicativa de 14 anos.

* O filme possuí áudio em espanhol, porém tem a opção de assistir com legenda em português.

Sobre o Enredo

Com a indecisão entre mandar o famoso cantor Pedro Infante para o céu ou o inferno, ele recebe uma chance de se redimir e acaba sendo mandado para a terra, onde ocupou o corpo de Pedro Guadalupe Ramos, um homem que estava em coma há 3 meses.

Ao entrar no corpo do homem, ele conhece Raquel, esposa de Pedro Guadalupe. Além disso, descobre que o homem é um sósia de Infante e é tão ou mais mulherengo do que o musico foi.

Enquanto participa de concurso do melhor sósia de Pedro Infante (que ironicamente ele perde), conhece sua neta Jenny e descobre que não é visto com bons olhos pela jovem, que acredita que ele era muito machista.

Decidido a reverter os erros causados por Pedro Guadalupe, tentando reconquistar o amor de Raquel e mostrar a Jenny que apesar de ser mulherengo, o avô tinha um bom coração, ele acaba se metendo em diversos problemas que poderão custar a sua vida.

 

Sobre a Temática

Assim como algumas produções cinematográficas, este filme traz o contexto de uma pessoa que morre mas volta a terra, de alguma maneira, para se redimir de algo. Neste contexto, um homem precisa provar se é digno de ir para o céu ou irá para o inferno. Aparentemente, o lugar que o homem estava seria uma espécie de purgatório (lugar onde as almas dos que cometeram pecados leves acabam de purgar suas faltas, antes de ir para o paraíso. – Definição do dicionário).

Embora o cantor e ator Pedro Infante seja usado como protagonista inicial desta história, o filme não pode ser considerado biográfico. A produção se concentra em tornar Pedro Guadalupe um homem melhor.

O verdadeiro Pedro Infante é um grande nome do cenário artístico mexicano, nascido em 1917 e falecido em 1957. No filme, é bastante focado o fato dele ser cantor, porém, ele também foi um grande ator, conquistando após sua morte o Urso de Prata como melhor ator no 7º Festival Internacional de Cinema de Berlim.

Algumas referências ao artista foram feitas no filme: as músicas que ele cantava, o fato de trair sua esposa com outras mulheres e ter conhecido a atriz Angélica Maria (Quem gosta de novelas mexicanas deve conhecer esta atriz, que já atuou na novela “A Feia mais Bela”, exibida no SBT).

No filme, Infante tem uma neta chamada Jenny, porém, aparentemente, o artista não teve nenhuma neta com este nome. Acredita-se que a inspiração foi feita para retratar a cantora Lupita Infante, que é neta dele.

Sobre o Elenco e Personagens

Interpretando Pedro Infante e Pedro Guadalupe, o ator e cantor mexicano Omar Chaparro faz uma bela atuação e arrasa em suas apresentações musicais. Seu personagem demonstra bastante química com as personagens Raquel (Ana Claudia Talancón) e Jenny (Yare Santana).

A personagem de Santana tenta mostrar representatividade em relação ao feminismo, porém a ideia não é muito desenvolvida. Interpretando uma policial, Talancón mostra em certos momentos a força e imponência das policiais femininas contrastando com o coração de uma mulher apaixonada.

Participaram do filme os atores: Manuel “Flaco” IbáñezStephanie CayoAngélica MaríaLupita SandovalGuy Nae Marco Treviño.

Sobre a Direção e Fotografia

O roteiro desenvolvido por José Pepe Bojórquez e Alfredo Felix-Díaz apresenta uma história que apesar de ter uma premissa interessante, peca em certos momentos. Além das quase duas horas de filme, que em certo momento ficou arrastado demais, alguns pequenos detalhes não passam despercebidos, como por exemplo o fato de Pedro nem conhecer Raquel e já ficar loucamente apaixonado.

Pouco foi mostrado de quem realmente Infante era, focando apenas no fato de ser mulherengo. Outro detalhe a destacar é que apesar da premissa do filme ser uma comédia, poucos são os momentos engraçados. Embora em alguns momentos a fotografia seja escura, em um geral o visual do filme é bem feito, utilizando bons efeitos.

Se você gostou da sonoplastia do filme, é possível encontrar toda a trilha sonora no Spotify.

Sobre a Cenografia e Figurino

A cenografia do filme apresenta as casas simples mexicanas, que já foram mostradas diversas vezes em novelas. Além disso, não faltaram as conhecidas festas, com simplicidade e a presença dos mariachis.

Em alguns momentos, para separar uma cena de outra, foram mostradas cenas de uma praia. Outros elementos utilizados foram o restaurante em que Pedro começou a trabalhar e o local onde ele lutou como pugilista.

O figurino tem como destaque as conhecidas roupas dos mariachis, com peças sociais cheias de adornos e o grande chapéu. Além disso, vemos alguns uniformes policiais azuis como já estamos acostumados a ver em filmes, séries e novelas. Um detalhe interessante é a forma de se vestir dos “anjos” de Pedro (assista o filme para descobrir).

Já assistiu Caído do Céu? Conta pra gente o que achou!


 
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.