Uma artista de sexo na webcam tem sua identidade online hackeada por uma sósia sinistra no thriller techno-gótico de Daniel Goldhaber, Cam.

Esse é um suspense psicológico sobre uma Alice da era cibernética que se depara com um tipo de espelho muito moderno. Com base em sua experiência como uma performer de webcam na indústria do sexo online, a roteirista Isa Mazzei evoca um conto de fadas misterioso sobre roubo de identidade.

O enredo é quase como um episódio do espetáculo tecno-gótico Black Mirror, às vezes. Mas baseia-se em medos primais que remontam à séculos a psicologia e a cultura popular. Tem um pouco de Dostoiévski, de Freud e de Hitchcock.

Madeline Brewer dá uma performance sólida e sutil a Alice, uma ambiciosa garota de 20 anos que tem uma vida “legal”, mas clandestina. Ela realiza atos sexuais softcore através de um canal privado de streaming ao vivo sob o pseudônimo “Lola”.

Veja Também!  Onde Assistir | Filme Fratura online

Obcecada por aumentar seus baixos índices de audiência, Alice aposta em acrobacias cada vez mais macabras. Isso inclui um falso suicídio. Nessa ela ganha mais fãs, mas nem são o tipo saudável. Quando ela bloqueia admiradores assustadores, eles instantaneamente reaparecem sob novos fakes. “Você está linda”, um diz a ela, “mesmo coberta de sangue”.

Cam tem suas falhas, mas é um thriller bastante perturbador

Em uma tentativa de desafiar sua mais bem-sucedida rival de streaming ao vivo, interpretada com uma arrogância deliciosa por Samantha Robinson, Alice quebra suas regras auto-impostas de sempre se apresentar sozinha e nunca ficar totalmente nua.

Um episódio surrealista e inquietante envolvendo um monstruoso super-vibrador parece empurrar Alice para além de sua zona de conforto e para um novo terreno de pesadelo.

Veja Também!  Onde Assistir | Série YooHoo ao Resgate! online

No dia seguinte, Alice, aturdida, fica alarmada ao descobrir que foi bloqueada de sua conta de transmissão ao vivo. A culpada por isso é uma mal-intencionada Lola. O fake misterioso que sequestrou sua identidade online e está realizando atos sexuais exibicionistas muito mais arriscados na tela.

No processo, este misterioso avatar arrebatador também expõe a profissão secreta de Alice a amigos e familiares, causando humilhação para sua mãe (Melora Walters) e confusão entre seus fãs on-line regulares.

O roteiro sugere várias tangentes intrigantes, mas nunca chega a uma explicação satisfatória. As duas Lolas se veem em um jogo de morte digital em uma sala de espelhos visualmente impressionante. Em determinado ponto, Cam sacrifica parte de seu momento de suspense. Isso provavelmente deixa muita gente insatisfeita e frustrada, esperando mais do filme.

Veja Também!  Onde Assistir | Filme Street Flow online

Fazendo uso de recursos de seu orçamento obviamente modesto, o longa-metragem possui alguns toques técnicos interessantes. O estúdio de Alice tem uma paleta de bonecas cor-de-rosa e fofas. Capta astutamente todo o subtexto infantilizador de tanta fantasia pornográfica. Mas, no final das contas, não é esse o ponto principal. O foco de Cam é o poder perturbador do medo existencial. Aquele medo que muitos têm de serem trancados no mundo virtual por trás do espelho.

 

 

Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

6 COMENTÁRIOS

  1. Filme com bastante suspense porém muito sem nexo e mal explicado, existem melhores, filmes com muito suspense, com lógica e bem explicado, muito melhor ver esses do que este, sinceramente, esperava mais, perdi meu tempo vendo isso. Odiei. Não recomendo!

    Nota 2

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.