Cities of Last Things é um filme de drama e distopia original da Netflix, estrelado por Jack Kao, Lee Hong-chi e Louise Grinberg. A produção estreou em 11 de julho de 2019 na Netflix, tem classificação indicativa de 16 anos e possui áudio em mandarim, porém, é possível assistir com legenda em português.

Sobre o Filme

Contado a partir do suicídio de Zhang Dong Ling, a história apresenta três incidentes horríveis que levaram a este fim. Quase chegando a fase idosa, Zhang é um homem mal humorado e revoltado, convivendo em um mundo onde pessoas tem chips em seus corpos, se importam extremamente com a aparência e andam de ônibus inteligentes que não necessitam de motorista.

O homem se recusa a dar o divórcio a sua esposa, com quem é casado há mais de 30 anos. Sua filha, está prestes a ir morar no exterior com o namorado e além disso, ele conhece uma prostituta que o faz lembrar uma pessoa que fez parte da sua vida. Sem perspectivas de que coisas boas aconteçam, acabar com tudo é a solução.

Em um segundo momento, voltamos trinta anos no tempo, quando Zhang era um jovem policial, que acaba de ser traído por sua esposa,com quem tem uma filha pequena. Enquanto isso, conhece uma moça que rouba algumas coisas, e os dois acabam tendo um rápido relacionamento. Tentando se vingar da pessoa que estava tendo um caso com sua esposa, ele acaba apanhando e sendo preso.

Veja Também!  O Último Dragão | A série ganhará uma segunda temporada?

Em um terceiro momento, ele está com 17 anos e é preso após tentar roubar uma moto. Lá encontra uma senhora presa e descobre que é sua mãe, mas a ignora. Porém, antes de ser levada para a prisão, ela é assassinada e ele presencia este momento.

Entendendo o Filme

O filme começa com uma música bem animada e do nada, uma terrível morte pega o expectador de surpresa. Fica claro desde o início que violência e sangue farão parte da produção, além de serem colocadas friamente. Outro detalhe perceptível são as cenas de sexo mostradas sem pudor nenhum, portanto, se você é sensível a este tipo de conteúdo, repense ao assistir o filme. Lembrando que a classificação do filme é 16 anos.

Veja Também!  Ficha Técnica | Amor Ocasional - 2ª Temporada (Original Netflix)

A princípio, a produção pode parecer confusa, mas no decorrer dos acontecimentos, principalmente do segundo ato, começamos a encaixar as peças e perceber que aquele homem insuportável tem vários motivos para ser daquele jeito.

O único problema que podemos perceber, diz respeito ao fato que parece que juntaram três histórias sem um gancho que as ligue. Claro, que no decorrer delas vamos nos ambientando aos acontecimentos, um exemplo dessa ligação confusa é que não consegui perceber de início que a história tinha saído de quando Zhang era policial para o momento em que era adolescente.

Sobre o Elenco

Três atores foram escalados para o papel do personagem Zhang Dong Ling. No primeiro momento, ele é interpretado por Jack Kao, seguido por Lee Hong-chi e por fim Hsieh Chang-Ying. Os três atores conseguem transmitir muita verdade e raiva em suas interpretações. Destaque para os dois últimos, que tão jovens já imprimem personalidades bastante difíceis de maneira extremamente bem feita.

Louise Grinberg aparece em dois momentos, interpretando uma prostituta que tem uma relação sexual com o personagem interpretado por Kao e após isso, interpreta Ara, a mulher que é vista roubando coisas. A personagem é bastante complexa e a atriz consegue trazer esta personalidade, fazendo bom trabalho. Também estão no elenco: Ding NingHuang Lu, Ivy YinChang Kuo-ChuShih Ming-Shuai Tuan Chun-hao.

Veja Também!  Resenha | Aggretsuko - 1ª temporada (Original Netflix)

Cenografia, Fotografia e Figurino

A princípio, o filme nos apresenta um mundo distópico, onde a inteligência artificial está extremamente avançada, trazendo alguns elementos que remetam a isso, como por exemplo ônibus que andam sozinhos. Quando passamos para o passado, vemos o mundo como é hoje, com motoristas de ônibus, taxistas, casas simples,carros de polícia, etc.

A maneira utilizado para diferenciar o presente do passado, foi usar tons mais quentes a fotografia do passado, além de trazer uma imagem mais granulada, remetendo ao antigo. Quanto ao figurino, não foge do comum, é bastante normal em todos os momentos da produção.

E aí, já assistiu Cities of Last Things? Conta pra gente o que achou!

 

Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.