A segunda temporada de Coisa Mais Linda, série brasileira da Netflix, chegou à plataforma na última semana. Sua classificação indicativa é para maiores de 16 anos e ela estrela Maria Casadevall, Pathy Dejesus, Mel Lisboa, dentre outros nomes. Você pode conferir clicando aqui a resenha da primeira temporada.

Sobre o enredo de Coisa Mais Linda

Coisa Mais Linda chega para mais um ano com um episódio de abertura emocionante. Logo nos primeiros minutos, descobrimos que Malu (Maria Casadevall) sobreviveu ao tiro que recebeu do marido de Lígia (Fernanda Vasconcellos), porém sua amiga não teve a mesma sorte. Agora, com a ajuda de Adélia (Pathy Dejesus) e Thereza (Mel Lisboa), ela irá tentar retornar à sua rotina. Porém, logo descobre que seu marido voltou para o Rio de Janeiro e está cuidando de seu clube.

Porém, logo as coisas voltam ao normal até demais e a retomada do assunto com relação à Lígia vai acontecer apenas nos últimos episódios da temporada. Apesar disso, as questões e lutas sociais ainda existem. Continuamos a ver como o machismo afeta separadamente mulheres brancas e negras, como o racismo faz parte disso tudo e a força de todas as mulheres presentes na trama. Talvez um erro do roteiro tenha sido explorar mais, ter ido mais além, pois ficou a sensação de que o foco maior foram incertezas e conflitos amorosos. No entanto, continua sendo uma verdadeira joia entre as produções brasileiras. É envolvente, arranca risadas, lágrimas e reflexões de seus espectadores.

Veja Também!  Resenha | Dexter - 1ª a 8ª Temporada (2006)

Elenco e personagens

coisa mais linda adélia, lígia e thereza

Nossas três protagonistas continuam brilhando, tanto enquanto personagens, como atrizes. A atuação e personalidade de Casadevall está mais madura, deixando Malu mais agradável. E os poucos minutos de aparição de Lígia foram excepcionais para a criação da emoção no expectador, o que exigiu um pouco de todas elas, e não foi nada decepcionante.

Capitão (Ícaro Silva) e Nelson (Alexandre Cioletti) também ganham um pouco mais de espaço na narrativa, mas não muito. Ícaro é um excelente ator e merecia sem dúvidas mais tempo de tela e um arco que fosse além de conflitos amorosos.

Direção e fotografia de Coisa Mais Linda

coisa mais linda adélia casando com capitão

A fotografia de Coisa Mais Linda continua sendo um dos aspectos mais belos da série, com um cuidado incrível com as cores e composição visual das cenas, o que é muito satisfatório e agradável de se assistir. O clima criado é de realmente uma foto dos anos 50/60. Além disso, a direção, que conta com os nomes de Caíto Ortiz, Hugo Prata e Julia Rezende, também traz um ótimo trabalho com os atores, montagem das cenas e sequência das mesmas. Um exemplo, novamente, é o primeiro episódio, que mostra todo esse cuidado e composição envolvente e emocionante da cena.

Veja Também!  Ficha Técnica | A Maldição do Poço (Original Netflix)

Cenografia e figurinos

coisa mais linda malu em pé

Cenografia e figurinos, assim como os aspectos anteriormente analisados, são cuidadosamente preparados para nos trasportar direto para o Rio de Janeiro dos anos 50/60. Os vestidos com cintura marcada, rodados, shorts de cós alto e blusas amarradas na cintura, dentre outras estéticas estão presentes nas roupas das personagens. Por fim, a cenografia traz clubes, casas com móveis vintage, e toda uma ambientação cuidadosa do período.

E então, o que você achou da segunda temporada de Coisa Mais Linda? Conta para a gente nos comentários!

Na UOL Play você pode assistir aos melhores filmes e séries sob demanda, além de vários canais de TV por assinatura. Tudo isso no mesmo lugar. Gostou? Experimente por 7 dias grátis! Clique e confira!
Veja Também!  Onde Assistir | Série Suburra: Sangue em Roma online

Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.