Coisas da Vida, da Netflix, é uma série que teria funcionado melhor se tivesse menos episódios com aproximadamente 15 minutos cada. No entanto, tem mais episódios com duração de aproximadamente 22 minutos. Algumas “coisas da vida” só funcionam melhor se forem mais curtas.

Mithila Palkar e Dhruv Sehgal interpretam Kavya e Dhruv, um jovem casal, envolvido em um relacionamento. Relacionamento, que por acaso, persegue sonhos e felicidade em Mumbai, a cidade que nunca dorme.

No entanto, o espectador corre o risco de escorregar no sofá e cochilar enquanto tenta acompanhar as mudanças de humor do casal. Em um minuto, eles ficam irritados, no segundo seguinte não conseguem lidar um com o outro. E, mais um pouco à frente, sentem esse fardo pesado de culpa.

Veja Também!  Onde Assistir | Filme Contato Visceral online

O mais do mesmo no cliclê Coisas da Vida

Coisas da Vida relata fatos sobre os minúsculos momentos que fizeram Dhruv e Kavya felizes e mantém o relacionamento saudável. Isso na 1ª temporada, mas a 2ª é sobre sermos testemunhas das discussões desconfortáveis ​​e demoradas entre um casal. Dispensável seria até acrescentar “não é muito divertido ficar vendo esse tipo de situação”.

A série tem sua parcela de momentos doces, mas esses momentos não são sobre o casal. Há uma cena em que Dhruv compartilha um segredo com a mãe de Kavya. Os dois desenvolvem um vínculo enquanto exploram Mumbai.

Há outra sequência “bonitinha” em que Kavya conversa com o filhinho de sua funcionária do lar. Uma pena que essas cenas adoráveis ​​são poucas e distantes entre si. O resto da série parece uma conversa da qual você não quer participar.

Veja Também!  Ficha Técnica | Fantasmas de Sugar Land (Original Netflix)

O que falta em Coisas da Vida é a sua gentileza de relacionamento. Naturalmente, a vida em si não pode ser um mar de rosas em todos os momentos. Ainda mais quando se presta a representar como um jovem casal indiano urbano se comporta. Aí sim é uma obrigação mostrar todas as facetas do referido relacionamento, mesmo que pareçam feias ou desnecessárias.

Mas a série exagera. O equilíbrio que Dhruv e Kavya estão tentando encontrar em suas vidas está faltando na estrutura esquelética da história. Há muito do clichê, que pode ser comparado com a cor cinza, o que deixa pouco espaço para qualquer outra tonalidade aparecer na tela.

Podemos dizer que Coisas da Vida é como uma bagunça nas relações modernas.

Veja Também!  Ficha Técnica | Park Na-rae: Glamour Warning (Original Netflix)
 

Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.