Enola Holmes é o novo filme original Netflix, inspirada em Os Mistérios de Enola Holmes, série de livros de ficção policial, escrita por Nancy Springer. O filme protagonizado por Millie Bobby Brown e Henry Cavill chegou ao catálogo da Netflix no dia 23 de setembro de 2020.

Enredo

Enola Holmes (Millie Bobby Brown) é uma menina de 16 anos e também a irmã caçula do renomado detetive Sherlock Holmes (Henry Cavill). Quando sua mãe desaparece, Enola inicia uma investigação para descobrir seu paradeiro ao mesmo tempo que precisa fugir do que seu outro irmão, Mycroft (Sam Claflin), tem planejado para ela.

A história é contada de forma bem animada e extrovertida. Enola se utiliza do recurso da quebra da quarta parede para nos manter dentro da trama, que no geral é espontânea e divertida. A narrativa flui bem e o ritmo se mantém rápido e, mesmo o longa tendo mais de duas horas, não é cansativo, mas envolvente e animado. O longa se utiliza de alguns clichês do gênero, mas isso não prejudica a trama, apenas a torna ligeiramente previsível.

Elenco e Personagens

Enola Holmes é uma adolescente fora dos padrões de sua época. Criada por sua mãe para investigar, descobrir e lutar ao invés de bordar, ser boa esposa e criar filhos, ela se vê completamente sozinha depois do desaparecimento de sua mãe. A partir daí, temos o amadurecimento da personagem que, não significa se tornar uma dama e se inserir na sociedade, mas sim aprender a como se portar frente à cada situação para atingir seu objetivo final. Mille Bobby Brown (Stranger Things) está ótima no papel e traz uma protagonista muito divertida e animada. Ela parece perfeita para o papel e desempenhou um excelente trabalho.

Veja Também!  Ficha Técnica | Filme Consultas Íntimas 4 (1998)

Sherlock Holmes é um personagem que tem bastante foco na narrativa, mas não rouba a cena. Apesar de muito intrigante, o longa toma cuidado para mantê-lo fora do foco principal, uma vez que, o filme é solo de Enola. Henry Cavill brilha em seu papel e juntos, Mille e Cavill, possuem uma química de atuação muito boa, o que auxilia na imersão na trama.

Henry Cavill em “Enola Holmes”.

O Lorde Tewksbury é um personagem que tem a sua importância na trama, não só como interesse romântico de Enola, mas também como alguém que indiretamente acaba a ajudando a encontrar seu verdadeiro caminho. Louis Partridge vai bem no papel, mas sem muito destaque.

Sam Claflin e Helena Bonham possuem menor participação no longa, apesar de seus personagens, Mycroft e Eudoria, terem bastante importância. Ainda sim, estão bem em seus papeis. Mycroft é quase um vilão, apesar de irmão da protagonista, mas com o tempo, perde sua força, abrindo espaço para novas surpresas na trama.

Veja Também!  Sherlock Holmes | 15 filmes e séries inspirados nos livros
Helena Bonham Carter em “Enola Holmes”.

Direção e Fotografia

A direção de Enola Holmes fica com Harry Bradbeer, diretor de alguns episódios de Killing Eve e Fleabag. Ele realiza um bom trabalho, mas não é surpreendente. A forma como a história foi contada, através do posicionamento das câmeras, nos mantém dentro da história, que é leve e envolvente.

Algo muito interessante é o uso da animação para contar a história dos personagens a partir de cartas, desenhos e cartões que, juntos compõem a identidade do filme e estão presentes, inclusive, na primeira parte dos créditos e vale muito a pena assistir, após o final do filme.

A fotografia da série é bem colorida, tendendo mais à naturalidade das coisas. Não temos uso de muitos efeitos especiais, mas a ideia é manter natural e bonito, valorizando as cores das paisagens naturais e ao mesmo tempo mostrar a escuridão das ruas e becos da cidade de Londres. As cores também ressaltam os belos vestidos das moças daquela época.

Cenografia e Figurinos

O longa se passa em vários cenários interessantes, começando na mansão dos Holmes, seguindo pelos campos e florestas, estações de trem, o centro de Londres com seus becos, ruas largas, praças e salões, as lojas e galpões visitados por Enola, hospedarias que entram em contraste com a mansão dos Tewksbury.

Veja Também!  A Voz Suprema do Blues | Último filme de Chadwick Boseman tem trailer divulgado

Nos cenários podemos ver o contraste das cores vivas do interior (alegria, liberdade) com a escuridão da cidade (tristeza, solidão), assim como a diferença entre a mansão dos Holmes e a mansão dos Tewksbury que, embora sejam ambas mansões, possuem diferenças sociais gritantes.

Os figurinos são muito importantes para o filme, pois remontam completamente à época que é representada. Apesar de muito bem feitos e lindíssimos, os vestidos das moças e trajes masculinos encantam os olhos mas não possuem peso narrativo na trama. Durante o longa, Enola brinca sobre a utilidade inesperada do espartilho, mas fora isso, os figurinos auxiliam apenas na contextualização do momento em que o filme se passa.

Enola Holmes é um filme de muita qualidade e que aborda temas importantes, além de trazer uma protagonista carismática e um elenco de peso em uma trama divertida e envolvente. Vale a pena!

Já assistiu ao filme Enola Holmes? Comenta aí o que achou!

Na UOL Play você pode assistir aos melhores filmes e séries sob demanda, além de vários canais de TV por assinatura. Tudo isso no mesmo lugar. Gostou? Experimente por 7 dias grátis! Clique e confira!
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.