A mais recente comédia romântica da Netflix, Felicidade Por Um Fio, é baseada em um romance de Trisha R. Thomas. Esse filme tenta oferecer o charme das amadas comédias e dramas românticos da década de 1990 e consegue.

Dirigido por Haifaa al-Mansour, Felicidade Por Um Fio reconhece os costumes únicos que as mulheres negras têm. O filme é uma compreensão redutora da feminilidade sem química, com a beleza do elenco suficiente para nos distrair.

Violet Jones (Sanaa Lathan) é uma executiva de marketing obcecada por incorporar a ideia de perfeição em todas as pessoas. Mas Violet está indo em direção a um colapso, mesmo que ninguém mais perceba isso.

Veja Também!  As Mais Lidas da Semana (04/11 - 10/11)

Quando ela recebe um cachorrinho em vez de um pedido de casamento do namorado, acaba desabando. A moça termina o relacionamento, raspa a cabeça, repensa sua carreira, desencadeia um flerte com um cabeleireiro e decide orientar sua graciosa filha precoce, Zoe (Daria Johns).

Felicidade Por Um Fio tem alguns dos ingredientes necessários para uma boa comédia romântica, além de Sanaa Lathan ter presença de tela. O fato da vida emocional de uma mulher negra ser o centro do enredo é admirável.

No entanto, chega um momento em que pensamos: “Quem realmente é Violet, fora das expectativas de perfeição colocadas nela?” O que se segue destina-se a representar Violet respondendo a essa pergunta por si mesma. Mas o filme nunca escava verdadeiramente a personagem. Ela foi criada para refletir vários debates emaranhados entre as mulheres negras sobre seus cabelos e outras vulnerabilidades.

Veja Também!  Amor Ocasional | Confira o trailer da nova série da Netflix!

Felicidade Por Um Fio e suas falhas na não profundidade de certas cenas

Felicidade Por Um Fio desenha uma conexão distinta entre cabelo e identidade para mulheres negras. Quando Violet muda de cabelo, sua personalidade também muda. Mas o que era para ser um ponto de virada catártico, comovente, por vezes fica parecendo um estranho espetáculo. No entanto, não é nada que não possa ser superado.

Esse poderia ter sido o filme leve e encantador que levou a sério a toxicidade da perfeição. É interessante ver a narrativa da beleza do cabelo de uma mulher negra em todas as suas formas. Assim como uma consideração sincera de uma mulher reescrevendo sua própria narrativa.

Veja Também!  O Retorno de Mary Poppins | Diretor diz que o filme é muito necessário no momento

Mas falta o charme que esperamos dos filmes a que se deve o refinamento para lidar com a dimensão política deste conto. Felicidade Por Um Fio peca em alguns pontos sim, contudo, é uma história de amor em busca de uma história para contar.

Gostou do filme? Deixe seu comentário!

 
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.