Se você é grande fã do cinema, com certeza já deve ter assistido o filme Garota, Interrompida que foi estrelado por Angelina Jolie e Winona Ryder. Foi com esse drama que as atrizes ganharam holofotes por suas interpretações, mas você sabia que essa foi uma história real e baseada em um livro?

Garota, Interrompida é um livro autobiográfico escrito por Susanna Kaysen. Porém, é escrito de uma maneira mais humorada e que parece mais uma narrativa.

Ficha Técnica

  • Título: Garota, Interrompida
  • Título original: Girl, Interrupted
  • Autora: Susanna Kaysen
  • Editora: Única
  • Páginas: 189
  • Ano de lançamento: 2013

Enredo

Em 1993, Susanna Kaysen escreveu um pedaço da sua história de vida: quando foi internada num hospital psiquiátrico em 1967.

Ela havia sido diagnosticada com transtorno de personalidade limítrofe (ou, como também conhecido, borderline) após uma tentativa de suicídio. Nesse hospital, ela convive com garotas com quase os mesmos problemas que ela, elas são: Georgina, Lisa, Polly e Daisy.

Veja Também!  Resenha | O Outro Pai (Original Netflix)

É um livro que nos faz conhecer como é a vida de pessoas que enfrentam essas doenças e como é que era a relação paciente/hospital. Todas as enfermeiras, mesmo que rigorosas, tentavam formar uma amizade com as garotas, pois assim era mais fácil de manter contato com elas.

É um livro que, além de desmistificar a ideia sobre problemas mentais e hospitais psiquiátricos, nos contesta e nos faz refletir sobre o que é ser normal dentro de uma sociedade.

Personagens

Susanna, além de personagem, é quem nos conta a história. Tudo está em sua perspectiva, dessa forma, é mais fácil de entendermos seus pensamentos e seus sentimentos.

Com Susanna, temos a visão que ela tem sobre sua mãe, sobre o que é um hospital, sobre as terapias e sobre como é conviver com o borderline.

Veja Também!  Resenha | Z: A Cidade Perdida (2016)

É através dela que somos obrigados a não estereotipar doenças como depressão, bipolaridade e transtornos que, na época em que foi escrito, ainda era um grande tabu a se tratar.

Todos os outros personagens só sabemos quem são a medida em que ela vai descrevendo e narrando.

Escrita do Autor

Susanna demora um pouco para desenvolver sua história, algumas partes são um pouco cansativas ou pesadas para ler, o que diverge muito com a forma com que ela escolheru narrar. Sua narrativa se diferencia das demais autobiografias, parece até que ela está nos contando alguma história ficcional e isso ajuda muito na hora da leitura, pois traz fluidez.

Veja Também!  Resenha | O Gambito da Rainha - 1ª Temporada (Original Netflix)

Ela descreve muito bem seus sentimentos quando recebeu a notícia do diagnóstico e como sua vida mudou quando foi internada, o que ela passava no hospital e como sua perspectiva sobre o assunto foi mudando com o tempo.

O livro e o filme se divergem muito, não leia esperando algo como no longa-metragem. Não crie muitas expectativas, mas ainda sim é um livro que vale a pena se conferir. Já leu? O que acha? Comente!

Na UOL Play você pode assistir aos melhores filmes e séries sob demanda, além de vários canais de TV por assinatura. Tudo isso no mesmo lugar. Gostou? Experimente por 7 dias grátis! Clique e confira!
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.