Hannibal certamente surgiu da mesma motivação que gerou os lamentáveis filmes pós “Silêncio dos Inocentes”: um anseio por a Lecter por tudo que ele merece.

No entanto, de alguma forma, os episódios tornaram-se envolventes e psicologicamente densos, também visualmente deslumbrantes. Hannibal é o tipo de joia raramente encontrada na TV, mesmo apesar de seus problemas. É mais do que isso, até mesmo: é a melhor versão do trabalho de Thomas Harris. Sim, ainda melhor que O Silêncio dos Inocentes.

Como isso é possível? Provavelmente ajuda que a série seja também a adaptação mais bem estruturada do trabalho de Harris até o momento. Em vez de adaptar um dos romances Lecter, Hannibal é inspirado por eventos mencionados, mas não retratados em Red Dragon. Especificamente, o tempo antes de Hannibal ser pego, quando Will Graham era um profiler ativo do FBI.

Veja Também!  Friends | Confira séries parecidas com o famoso sitcom

A 2ª temporada de Hannibal foi gostosa de assistir, apesar do enredo aterrorizante por vezes

Evitando o tão familiar cenário na prisão e expandindo eventos intrigantes e inexplorados, os episódios da 2ª temporada conseguem captar as melhores qualidades que o gênero pode ter: a nuance psicológica, o belo horror e o humor negro.

Nesta temporada conseguimos perceber que Mads Mikkelsen é melhor que Anthony Hopkins no papel. Mas ele é mais sutil, deixando que o conhecimento do público sobre o personagem preencha os espaços em branco que ele às vezes nos dá. Este é um Hannibal que nunca vimos antes, e é um prazer.

Claro que a série já não era perfeita e não mudou muita coisa. Como é frequentemente o caso, as personagens femininas são menos desenvolvidas do que os homens. Uma coisa que não dá para entender o porquê.

Veja Também!  Resenha | Paradise Beach (Original Netflix)

Deixando de lado o centrismo masculino, Hannibal tem mais uma vantagem sobre outras séries do gênero. Não precisamos nos perguntar o que irá acontecer, pois já sabemos. Sem uma especulação final incessante, é mais fácil aproveitar cada minuto ao longo do caminho.

 

 

Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.