Intrusion é um filme estadunidense de suspense de 2021 e original Netflix. O longa foi dirigido por Adam Salky e escrito por Chris Sparling e no elenco estão Freida Pinto, Logan Marshall-Green, Robert John Burke, Megan Elisabeth Kelly, entre outros.

Enredo de Intrusion

O casal Meera (Freida Pinto) e Henry Parsons (Logan Marshall-Green) se mudaram para uma pequena cidade onde construíram sua isolada casa dos sonhos. No entanto esse sonho logo vai se mostrar um pesadelo, principalmente para Meera, quando veem sua privacidade invadida por um grupo de homens por duas vezes.

Quando a polícia conta ao casal que os homens que invadiram sua casa também eram suspeitos no sumiço de uma jovem, Meera logo vai começar a notar estranhos comportamentos em seu marido, e ao iniciar uma investigação própria, Meera vai perceber que talvez não conheça tão bem o homem com que casou.

O filme possui um ritmo lento, tentando construir uma narrativa, mas acaba se prolongando demais e o clímax não consegue salvar o resto do filme.

Elenco e Personagens

Freida Pinto e Logan Marshall-Green até possuem boa química em cena e conseguem passar a ideia de um casal apaixonado em algumas cenas, porém certas escolhas na atuação estragaram com o enredo do filme, principalmente em relação ao personagem de Logan, Henry.

Desde o começo da obra o telespectador vê com certa desconfiança Henry, e quando Meera descobre a verdade sobre seu marido, não entretém quem assiste, apenas faz perguntar como a mulher nunca desconfiou do homem antes.

Contudo, tirando esse erro de construção de personagem, Logan Marshall-Green consegue personificar Henry muito bem no final do filme, porém é tarde demais.

Direção e Fotografia

A direção errou em diversos pontos nessa produção, começando com a falta de suspense. O telespectador consegue desconfiar de Henry desde o início do filme, o que torna grande parte do longa arrastada e desnecessária.

Finalmente quando Meera descobre a verdade, o clímax passa rápido demais e com poucas explicações. Talvez se houvesse uma melhor construção e visualização sobre o personagem de Henry o filme conseguisse cativar.

Além disso, a obra não inova em qualquer aspecto, com um enredo já conhecido por fãs de suspense, mas pouco desenvolvido. Talvez a fórmula funcionasse melhor com um roteiro mais elaborado.

A fotografia também confunde um pouco o telespectador. Por grande parte do filme ela se mostra comum, porém perto do fim e quando Meera começa a descobrir mais sobre Henry, há alguns jogos de câmera que mostram a vida da mulher virando de ponta cabeça. Essa escolha, porém, pareceu aleatória demais no filme, principalmente por demorar a aparecer.

Cenografia e Figurinos

O longa se passa principalmente na casa dos Parsons, e sendo Henry um arquiteto, os cenários são metódicos e precisos.

Os figurinos são em sua maioria comuns, sem grandes surpresas.

No geral, Intrusion é um filme que não surpreende ou cativa, não sendo uma obra prima ou mesmo interessante no gênero de suspense.

E você leitor, já assistiu ao novo filme da Netflix? Conta o que achou nos comentários.



Experimente o Telecine por 30 dias grátis! Clique e confira!
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.