Nas Montanhas da Coruja é uma série europeia que teve sua primeira temporada chegando em 22 de julho de 2020 na Netflix. A direção é assinada por Jakub Miszczak, Monika Filipowicz e Marcin Ziebinski e seu elenco conta com Andrzej Konopka, Helena Sujecka, Piotr Trojan, Michał Czernecki, Mariusz Ostrowski, Robert Gulaczyk, Mirosław Kropielnicki, Helena Englert, entre outros nomes.

Enredo de Nas Montanhas da Coruja

A história de Nas Montanhas da Coruja se passa em uma cidadezinha onde ocorre o assassinato de uma jovem, crime extremamente parecido com um que ocorreu há pelo menos dez anos. Com tudo isso, o novo chefe de polícia, Michal Trela (Andrzej Konopka), deve vencer o silêncio dos moradores da pacata cidade.

O ritmo da série, na maior parte das vezes, é bem lento. Isso porque seus diálogos são extensos e poucos eventos significantes ocorrem ao longo da sua duração.

Elenco e Personagens

Os seus personagens são razoavelmente bem construídos e são desenvolvidos ao longo de sua temporada. Portanto, não há tanto o que falar do roteiro em relação a isso. Entretanto, os problemas ocorrem mesmo nas atuações, que, para dizer o mínimo, são terríveis.

Elas são extremamente bruscas e pecam muito no quesito timing, mas, principalmente, na genuinidade. Afinal, pegando o exemplo do protagonista interpretado por Andrzej Konopka, ele põe uma expressão de medo e nojo, por exemplo, durante uma investigação pelo que está vendo. Além dessa expressão ser muito brusca, ele mantém ela por muito tempo, as vezes por mais de cinco segundos, o que tira a genuinidade da cena. Nosso cérebro para de interpretar aquilo como medo e nojo e passa e ver que é só uma expressão forçada.

Direção e Fotografia de Nas Montanhas da Coruja

A direção definitivamente não é o ponto forte dessa série. Isso porque os enquadramentos são bem esquisitos, não conseguem enquadrar direito todos os elementos importantes pra cena. Além disso, não parece obedecer nenhuma regra que deixaria as cenas mais agradáveis aos olhos.

Ademais, vários takes são gravados com drones, que, por sua vez, não parecem ter uma câmera com a qualidade necessária. Ainda, apresenta uma diferença grande da coloração da câmera, que é usada em terra. A fotografia é bem sombria e lembra um pouco a fotografia de Dark e de outra série polonesa Rojst.

Cenografia e Figurinos

A direção de arte em geral é bem simples, os cenários são bem convencionais e a roupagem não é nada mais do que vemos no dia a dia.

E você? O que achou da série? Conta pra gente nos comentários.

Confira nossa Ficha Técnica aqui


Inscreva-se no nosso canal
 
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.