O Menino Do Pijama Listrado é um filme produzido por Mark Herman em 2008. O longa é uma adaptação cinematográfica do romance homônimo de John Boyne e foi um verdadeiro sucesso à época de seu lançamento.

Sobre o Enredo

O Menino Do Pijama Listrado é um filme poético e significativo que visa confirmar como um valor puro a amizade  e o seu poder de unir o que as barreiras raciais e o preconceito dividem.

O filme se passa em 1941, durante a Segunda Guerra Mundial. Bruno (Asa Butterfield) é um menino de 8 anos que mora com seus pais e a irmã Gretel (Amber Beattie), de 12 anos, em uma bela casa nos arredores de Berlim.

O pai de Bruno, Ralf (David Thewlis), é um oficial nazista e – após a visita de Hitler – é promovido a Comandante.

Para essa nova missão, toda a família é forçada a deixar Berlim, cidade natal de Bruno, para se mudar para uma área rural (que na verdade é Auschwitz).

Bruno fica entediado, não sabe com quem brincar e começa a vasculhar os arredores. Um dia, da janela de seu quarto, o menino vê pessoas dentro de um capo limitado por uma cerca, todas vestidas de “pijamas listrados”.

A mãe faz a criança acreditar que essas pessoas são “camponeses” trabalhando em uma “fazenda“.

Na verdade o lugar é um campo de concentração e Bruno está proibido de ir brincar com as crianças. Nesse meio tempo, um novo tutor chega em casa que educa os irmãos sobre a ideologia nazista.

Bruno costumava ler apenas romances, mas agora ele é forçado a ler apenas textos com temas nazistas que ele não consegue entender.

Enquanto sua irmã começa a aderir a esse pensamento, Bruno não fica desapontado por não entender o motivo pelo qual os judeus devem ser considerados maus, também porque Pavel (David Hayman), um prisioneiro judeu que trabalha em casa, é muito gentil com ele.

Um belo dia, ele percebe que perto de sua casa existe um campo de concentração, com homens e crianças vestindo pijamas listrados. Vagando pelas cercas, Bruno conhece um menino judeu, Shmuel (Jack Scanlon), que mora no “acampamento”.

Os dois fazem amizade e começam a brincar juntos, cada um de um dos dois lados do arame farpado que delimita os limites do campo de extermínio.

Bruno não percebe onde Shmuel está, nem mesmo o fato de que o menino está cada vez mais magro. Conversando, Bruno descobre que Shmuel perdeu seu pai e se oferece para ajudá-lo a encontrá-lo.

Ele pega um “pijama listrado” de seu amigo para se infiltrar no acampamento e ajudá-lo a encontrar o homem. Mas uma confusão entre os dois meninos poderá levar a um desfecho fatal…

Elenco e Personagens

O filme O Menino Do Pijama Listrado se destaca menos pelo seu elenco e mais por outros aspectos do filme.

Porém, ainda assim, o longa conta com um elenco bom. Mais do que os próprios atores e suas interpretações, o significado de cada personagem é ainda mais importante.

David Thewlis desempenha o papel do pai de Bruno, Ralf. Seu personagem representa a hipocrisia e a ambiguidade dos oficiais nazistas: por um lado, ele é um pai amoroso, que pensa no bem da família, mas, por outro, é um homem implacável que está firmemente apegado ao seu papel de oficial das SS alemãs. Ele tenta esconder esse último aspecto da sua família.

Vera Fermiga, por sua vez, faz o papel da mãe, uma mulher que ama profundamente a família, mas que se vê traída pelo marido que nada lhe disse sobre o campo de extermínio perto da casa.

E, finalmente, o jovem ator Jack Scanlon certamente merece destaque, que nesse filme faz sua estreia no papel de Shmuel, um menino inocente e que não sabe ao certo o que acontece.

Bruno, interpretado por Asa Butterfield, representa uma criança no meio do fenômeno do nazismo e que não tem a menor ideia do que está acontecendo.

Ele também representa a inocência infantil, que não consegue enxergar porque os judeus merecem ser punidos, mesmo que as pessoas ao seu redor tentem ensinar isso a ele.

Direção e Fotografia

A direção, conduzida por Mark Herman, bem como a edição, é precisa. A cena final em que o filme termina em desvanecimento com a câmara de gás é muito eficaz.

Herman constrói um filme que intenso e envolvente que tenta oferecer ao espectador uma visão singular dos efeitos que o preconceito e a violência podem ter sobre os inocentes.

A narrativa, assim como o seu roteiro, é muito envolvente e consegue fugir dos diálogos convencionais de filmes sobre o Holocausto.

Além disso, a direção trabalha com closes realmente impressionantes, trabalhando a câmera da maneira correta.

A fotografia é muito impactante. Ao aumentar os rostos dos diversos personagens do elenco com sombras, ela consegue garantir a dramaticidade do filme.

A paleta cromática do filme é escura. Claro, em um filme sobre um tema tão dramático e triste, ainda mais envolvendo duas crianças, as cores não poderiam ser alegres.

A iluminação também é limitada, visando criar um ambiente dramático e que visa denunciar aquilo que foi o terrível fenômeno do Holocausto.

Cenografia e Figurinos

A cenografia é um dos pontos fortes do filme. Os cenários buscam ser verossímeis para denunciar a ignorância que estava envolvida no nazismo.

A narrativa do filme se inicia na cidade alemã de Berlim e depois, quando o pai de Bruno é promovido, ela acontece na cidade de Auschwitz, onde se localizava um dos piores campos de concentração nazistas.

A casa de Bruno também é um cenário importante, já que representa o contraste entre o ambiente onde ficavam os oficiais nazistas e onde ficavam os judeus.

Os figurinos são peças centrais no desenvolvimento da trama, como o próprio nome indica. Bruno questiona sua mãe sobre o porque de os moradores do “acampamento” serem obrigados a usar pijamas listrados.

Esses “pijamas” são, na verdade, os uniformes que os judeus presos nos campos eram obrigados a usar, já que perdiam seus próprios pertences, incluindo suas roupas.

Os uniformes oficiais do exército nazista são também incluídos no filme para demonstrar a ganância e o sentimento de superioridade existente entre os membros desse grupo.

E você, o que achou do filme? Conte pra gente!


Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  
Veja Também!  Ficha Técnica | Enola Holmes (Original Netflix)
 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.