O longa conta a história do casal Lenny (Woody Allen) e Amanda (Helena Bonham Carter), que decidem adotar um bebê. Com o crescimento do menino, Lenny percebe que seu filho é um verdadeiro gênio.

Com isso, Lenny começa uma busca pela mãe biológica do menino, na esperança de ela ser tão brilhante quanto o filho. Porém quando ele descobre que a mãe de Max é Linda Ash (Mira Sorvino), uma prostituta de bom coração e estrela pornô, Lenny decide reformar o estilo de vida imoral da mulher.

Dirigido por Woody Allen, que em geral, utiliza seus filmes para criticar a sociedade e seus dirigentes, Poderosa Afrodite aborda o tema de crise no casamento, e para isso, utiliza do humor para narrar o seu drama.

Veja Também!  Ryan Gosling | Confira os 9 melhores filmes do ator

 

Allen se utiliza de elementos do teatro grego da Grécia antiga para compor o seu filme. Ele filma na Sicília,  num teatro em ruínas, o coro grego, que narra a comedia e tem forte interferência no decorrer dos fatos.

As aparições do coro grego são os momentos mais divertidos da trama, que desmonta o clima tenso já criado e leva o espectador a dar boas risadas. Além disso, temos alguns momentos de musical, representados pelo coro no decorrer da trama.

O longa segue a risca a receita de tragédia dada por Aristóteles, apesar de se tratar de uma comédia. De forma geral, é um filme muito interessante, de roteiro simples, mas muitas piadas e uma história bem contada.

Veja Também!  Ficha Técnica | Um Amor de Massagista (1991)
 

Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.