O longa-metragem de 1 hora de 47 minutos, adaptado do livro de mesmo título (você pode ver a resenha clicando aqui) da autora Jennifer Niver, foi lançado nessa sexta-feira (28) na plataforma de streaming Netflix. Adaptações de livros para filmes são sempre um desafio e Para lugares incríveis mostra isso. A história sobre dois jovens que passam por problemas de saúde mental acabou se saindo um tanto quanto diferente, entenda!

Assista ao Trailer!

Enredo

No filme, Finch acaba encontrando Violet no parapeito de uma ponte pronta para pular. Esse é o local onde um dia ela e sua irmã sofreram um acidente de carro, causando apenas a morte da irmã. O garoto salva a vida de Violet a fazendo descer de lá e a promete que ela não está sozinha.

A partir desse dia, Finch fica muito interessado por Violet e vê uma oportunidade maior para se aproximar quando o professor de geografia propõe um trabalho em dupla: visitar lugares maravilhosos de Indiana e escrever sobre.

Violet é uma garota popular, mas que entrou em um estado de tristeza profunda depois que sua irmã faleceu. Finch é o garoto estranho na escola conhecido por todos como “A Aberração” que toma atitudes impulsivas o tempo todo e com pais ausentes. É uma história sobre dois jovens que enfrentam problemas de saúde mental e que cruzam caminhos.

Veja Também!  Onde Assistir | Filme O Que Ficou Para Trás online

Elenco e Personagens

No elenco principal temos Elle Fanning como Violet Justice Smith interpretando Finch. Ambos os personagens foram interpretados de forma magnífica, mas com certos poréns.

Violet no filme é alguém que ainda está passando pelo luto e não vê mais motivação para viver. É através de Finch que ela entra em um processo para se reconstruir e a lidar com certos traumas. É possível entender toda a dor e revolta dela. Enquanto isso, temos Finch, que transparece a ideia de ser apenas um personagem que faz algumas ações sem pensar e que remete a aquele típico personagem adolescente que é “estranho e não se encaixa”.

Acontece que Finch é um personagem profundo com problemas pesados como bipolaridade. Ele é alguém que tem um interesse bem estranho em assuntos como as várias formas possíveis para se matar e ele é alguém que sofre constantemente bullying (e entre outras coisas).

Os personagens nessa história foram manuseados de forma que deixa a desejar. São usados os mesmos recursos que são utilizados para a construção de um romance adolescente clichê. O personagem Finch carece tanto de explicações sobre quem ele é que, em algumas situações, ele passa a parecer até um stalker de Violet (situação comumente romantizada em muitos filmes Teen) e faz com que seu destino seja um pouco “abrupto”.

Veja Também!  Ficha Técnica | Amor Com Data Marcada (Original Netflix)

Direção e Fotografia

Brett Haley foi responsável pela direção. Ele conseguiu trazer para um filme adolescente, ao mesmo tempo, recursos comuns para a obra e recursos em que não estamos acostumados em um filme dessa temática. Ele normaliza a ideia de que adolescentes também têm uma vida sexual não fazendo desse tópico um foco e tenta retratar a tristeza e a alegria através da iluminação das cenas. Em momentos tristes as cenas são mais escuras e em momentos mais felizes as cenas são mais claras.

Sobre a fotografia, as cenas, em geral, são sempre com imagens mais amplas e que possibilitam do espectador observar o local e as paisagens enquanto os atores contracenam.

Cenografia e Figurinos

Sobre os figurinos, não há nada tão profundo. Os personagens são adolescentes comuns do século XXI e suas roupas remetem a isso também.

Já a cenografia é um tópico que merece atenção. Foi feito um trabalho incrível já que as paisagens e os lugares eram fundamentais para a obra. O filme conseguiu deixar lugares comuns de Indiana como uns dos lugares mais bonitos e conseguiu fazer o espectador prender sua atenção até mesmo em lugares mais comuns.

Veja Também!  Ficha Técnica | Guillermo Vilas: Esta Vitória é Sua (Original Netflix)

 

Mesmo que o filme tenha uma ótima mensagem ao final com um lado mais realista e profundo com o discurso de uns dos personagens – e apresente um grande plot twist -, ainda sim, parece que em seu desenvolvimento falta muita coisa e chega a dar um sentimento de que parte do enredo está vazio.

Apesar desses pontos levantados, não dá para negar que é um filme que emociona e faz chorar, então se está a procura de um filme que se encaixe nesses pontos Por lugares incríveis é uma sugestão. Já assistiu? O que acha? Comente!

Na UOL Play você pode assistir aos melhores filmes e séries sob demanda, além de vários canais de TV por assinatura. Tudo isso no mesmo lugar. Gostou? Experimente por 7 dias grátis! Clique e confira!
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.