Sim, é pretensioso demais da minha parte querer resumir The Office em poucas linhas. Afinal, são nove temporadas, muitas tramas e subtramas, vários personagens e uma legião de fãs desta engraçada e apaixonante série.

Mas sim, eu farei isso, porque mesmo que sejam poucas linhas, elas são sinceras e emocionadas. Esta série surgiu em minha vida muito depois de sua conclusão. Maratonei ela de forma compulsiva e, agora, embora já sinta falta da companhia de Michael, Jim, Pam e Dwight, também me sinto grato por passar tantos ótimos momentos com eles, e queria dividir um pouco disto com vocês.

Sobre The Office

Há duas versões da série The Office, a britânica e a americana. A versão britânica é de 2001 e conta com duas temporadas, já a versão americana estreou em 2005 e rendeu nove temporadas, e é desta versão que falarei aqui.

A premissa das duas versões é a mesma, há diferenças entre os personagens, mas basicamente é um sitcom onde há um documentário sendo gravado que acompanha a vida dos empregados de uma pequena filial de uma empresa de papel, a Dunder Mifflin. No caso da versão americana, a cidade onde esta pequena filial fica é em Scranton, que acaba se tornando quase um personagem da série.

Por ser filmado como se fosse um documentário, a quebra da quarta parede existe de forma constante e passiva, e isso agrega muito na narrativa. A cada nova situação, as confissões feitas á câmera, nos aproximam dos personagens e proporciona um espaço para crescimento sem constrangimentos.

Veja Também!  Record exibe série 'CSI: New York' nesta semana (15-18/07)

Por ser uma sitcom, seus plots são sempre episódicos, mas também há um desenvolvimento de trama acontecendo durante a série. Mas essa é daquelas séries que você pode assistir um episódio aleatório e mesmo sem conhecer os personagens e o contexto geral da trama, mesmo assim, você vai rir.

The Office e suas histórias

Podemos concordar que a trama principal de The Office gira em torno do relacionamento de Jim e Pam. Esse relacionamento demora várias temporadas para se concretizar e nos traz os momentos mais românticos da série. Em paralelo podemos ver também a rivalidade de Jim e Dwight crescer e se tornar uma amizade verdadeira.

the office

Cada personagem é vital para que a série progrida com várias subtramas interessantes durante as nove temporadas. Desde romances, novas abordagens para os personagens, despedidas.

O humor que permeia The Office muitas vezes pode parecer exagerado, às vezes até ridículo. Mas o exagero ali imposto é necessário para que os personagens possam atingir todo o seu potencial. E desta maneira a série aborda: machismo; sonhos; preconceito; relações no trabalho; convívio em sociedade; autocrítica; homofobia; traição.

Veja Também!  Mark Siwat | Conheça os 4 principais trabalhos do ator

the office

Todos esses assuntos são tratados ao modo The Office, com muita zoeria e nonsense. Vale ressaltar que a série foi a percussora da abordagem estilo documentário em sitcons.

Elenco

Outro enorme destaque de The Office são seus atores. Além de participações especiais ao longo da série, como: Will Ferrell, Amy Adams, Rashida Jones, Kathy Bates, Jack Black, Idris Elba, Timothy Olyphant e James Spader. Nós também pudemos presenciar o crescimento de um elenco de peso.

Podemos citar alguns destaques como:

  • John Krasinski (Jim Halpert): Hoje além de atuar também é roteirista e diretor. Seus trabalhos mais notórios são Um Lugar Silencioso, Jarhead, 13 Horas: Os Soldados Secretos de Benghazi e atualmente encabeça a série Tom Clancy’s Jack Ryan;
  • Steve Carrell (Michael Scott): Conhecido por Um Virgem de 40 anos, Foxcatcher, Meu Malvado Favorito, Vice, A Melhor Escolha, Agente 86 e A Grande Aposta.
  • Ed Helms (Andy Bernard): Esteve em Se Beber, Não Case (trilogia), Férias Frustradas, Família do Bagulho, Wilfred;
  • Mindy Kaling (Kelly Kapoor): Atuou em Uma Dobra do Tempo, Oito Mulheres e um Segredo, Divertidamente, Só Acontece com Mindy;
  • J. Novak (Ryan Howard): Além de atuar, também escreve, produz e dirigi alguns filmes. Você pode ver seus trabalhos em Bastardos Inglórios, The Amazing Spider-Man 2, Fome de Poder, Os Smurfs.

Eu e The Office

Pessoalmente, eu me identifiquei em vários pontos com a trajetória do relacionamento entre Jim e Pam. Também sempre achei as interações de Jim, Dwight e Michael os pontos altos da série. As pegadinhas entre Jim e Dwight me faziam rir de doer a barriga. E em minha opinião, Dwight é o personagem que tem a maior curva de evolução em toda a série. Não que os outros não evoluam, mas ele que é quase um antagonista no início, acabou virando o meu personagem preferido.

Veja Também!  Orange Is The New Black | O que esperar da temporada final?

the office

As pequenas lições que são apresentadas no decorrer da série talvez não mudem o seu modo de pensar. Mas todas elas sempre passam uma linda mensagem e solidificam cada vez mais aquele escritório como a família disfuncional mais engraçada e amada dos últimos anos.

Quem diria que um “documentário” sobre uma pequena empresa de papel chamada Dunder Mifflin, no interior da Pensilvânia, poderia nos render tantas ótimas histórias. Vemos a transição de amigos, para casais e então família. Adversários tornando-se padrinhos de casamento. Chefes abraçando á todos como um pai. Um pai meio irracional, mas ainda assim pai.

Mas e aí, você já conhecia a série? Então deixa nos comentários o que achou!

 

Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.