A Netflix adora apostar em séries adolescentes e isso não é uma novidade, mas, levando em conta suas últimas produções, a coisa anda um pouco feia. Para nossa sorte, The Politician é, definitivamente uma grata e bonita surpresa. É uma obra madura e inteligente, que usa a política para falar de comportamentos e relacionamentos humanos. É o primeiro trabalho de Ryan Murphy com a plataforma e já nos mostra que essa relação pode dar muito certo.

A trama gira em torno de Payton, que, desde muito cedo, sonha em se tornar presidente dos Estados Unidos. Mais do que um sonho: para ele é o seu destino, quase como uma obrigação. Por conta disso, ele passou a vida estudando sobre os outros presidentes do país, suas vidas, como chegaram à Casa Branca: tudo para formar suas próprias estratégias para conseguir chegar no mesmo lugar e fazer história, como ele mesmo diz. Payton está concorrendo a presidência do Grêmio Estudantil, na sua escola, e fará de tudo, de tudo mesmo, para conseguir vencer. Mas seus adversários são mais fortes e imprevisíveis do que ele poderia imaginar.

The Politician nos mostra o lado cruel e egoísta do ser humano, de um jeito cômico, extravagante e muito, muito irônico e sarcástico. A ironia é uma das principais armas da série e funciona muito bem. A extravagância de alguns personagens não é algo que incomoda, muito pelo contrário: a produção sabe usar isso a seu favor de forma brilhante. Exagera em muitos momentos e em muitos aspectos, mas de uma forma muito divertida e engraçada. Consegue fazer excelentes críticas à sociedade e à ambição desmedida, aos relacionamentos falsos, às aparências, tudo com muita ironia, sátiras e de forma muito cômica, mas sempre na medida certa.

Veja Também!  Onde Assistir | Série Our Boys Online

A narrativa da obra é certeira: em pouquíssimos momentos se torna cansativa, ela te envolve completamente na trama e nos dramas dos personagens. Do mesmo modo que tem uma pegada adolescente e vai conquistá-los, a série também é muito madura. É capaz de agradar diversos públicos. A fotografia e os figurinos muito coloridos e vibrantes se encaixam muito bem com o ambiente cômico e divertido da obra. Apesar desse lado cômico, ela fala de temas sérios e muito importantes, como saúde mental, relacionamentos tóxicos e abusivos, o direito ao voto e o perigo das armas de fogo. The Politician consegue abordar esses assuntos dentro da comédia de forma brilhante.

Antes de começar a série, há um aviso muito importante sobre o conteúdo e os temas abordados, já deixando claro que pode ser perturbador para algumas pessoas. E é verdade: embora seja uma produção cômica, The Politician aborda temas pesados e que podem sim incomodar demais. Há uma crítica muito inteligente sobre o mundo político e sobre o próprio ser humano, como a ambição e a sede de poder podem levar alguém ao extremo: os personagens são frios, sem escrúpulos, egoístas, calculistas, mentirosos e falsos, querem conquistar seus objetivos a qualquer custo, sem se importar com os outros, apenas com eles mesmos. É um verdadeiro jogo político. O importante é vencer, não importa como.

Veja Também!  Resenha | Aggretsuko - 1ª temporada (Original Netflix)

As atuações são muito boas, todos passam verdade com seus personagens. Com um elenco de peso, não poderíamos esperar menos. Um destaque muito positivo é a relação de Infinity (Zoey Deutch) e Dusty (Jessica Lange): a trama das personagens consegue roubar a atenção do espectador, algumas vezes se torna mais interessante do que a história central. Lange, como sempre, está espetacular, conseguimos ver a loucura da sua personagem. Zoey Deutch está simplesmente brilhante no papel. Ela conquista o público de maneira natural, faz uma personagem cativante e muito carismática. A atriz passa muita verdade, é muito bonito vê-la em cena. A transformação que Infinity sofre durante a série, a forma como ela amadurece é de uma veracidade e naturalidade impressionantes. Suas cenas com Lange estão entre as melhores da produção, sem dúvidas.

Outra atuação espetacular, como poucas, é a de Ben Platt, no papel do protagonista Payton. É um personagem caricato, um verdadeiro político, e o ator faz isso de forma muito convincente, com muita verdade. É um trabalho lindo, é possível ver a forma como ele se entrega ao personagem. Payton é intenso demais, cheio de camadas, e Platt soube mostrar cada uma delas de forma brilhante. Vemos uma pessoa egoísta, manipuladora, mentirosa, extremamente fria e calculista, mas que consegue conquistar o espectador. A transformação pela qual ele passa, na obra, também é muito bem feita pelo ator. É um trabalho muito bonito, realmente como poucos. A química entre ele e a personagem de Deutch é algo a se destacar também: eles se dão muito bem em cena, é lindo vê-los juntos.

Veja Também!  Resenha | Eu Vi - 2ª Temporada (Original Netflix)

The Politician é uma excelente série, com atuações totalmente acima da média, com uma história simples, mas muito bem escrita e interessante, dá vontade de acompanhar mais e mais e saber até onde Payton e os amigos são capazes de chegar para conquistar seus objetivos. Ainda que tenha caído a qualidade nos dois últimos episódios e a trama tenha ficado um pouco confusa, é uma produção muito bem feita. Aborda temas importantes de forma muito inteligente. Realmente, vale muito a pena.

 

E você? Já assistiu? Conte pra gente o que achou.

 

Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.