Quão empolgante pode ser o filme de uma franquia de ação que nunca saiu da zona “morna”? Depende. Se formos levar em conta as outras produções, parece que Triplo X: Reativado é um pouco menos excitante. No entanto, isso não faz dele ruim, pelo contrário.

O filme começa com Samuel L. Jackson como o ex-espião-mestre Augustus Gibbons, sentado em um restaurante chinês. Ele tenta convencer o jogador de futebol Neymar a se juntar à equipe XXX. Um desastre acontece. É aí que a mestre-espião Marke (Toni Collette), convoca uma reunião na sede da CIA. Nesse ponto é apresentada a Caixa de Pandora, que está em posse de uma equipe de “vilões”. Quem pode recuperar a coisinha mortal? Xander Cage (Vin Diesel).

O enredo de Triplo X: Reativado, com seus múltiplos cruzamentos, não é uma coisa extraordinária, deixando a desejar em diversos pontos. Mas acaba nos prendendo de alguma forma por conta das cenas de ação.

Veja Também!  Charlie Cox | O astro além de Demolidor

Um ponto a favor foi a inclusão de um número considerável no elenco de personagens femininas ativas, lutando. Isso seria louvável na prática, se não fosse pelo fato da maioria estar ali se comportando como se estivesse morrendo de vontade de ir para a cama com Diesel.

Os primeiros minutos podem ser um pouco cansativos, mas as coisas ficam menos desagradáveis ​​com as apresentações da franco-atiradora Adele (Ruby Rose) na equipe de XanderBecky (Nina Dobrev), uma garota geek que “cresce” ao longo da trama.

Triplo X: Reativado e Vin Diesel com seu ar de garanhão

Vin Diesel fez 50 anos em 2017. Seu corpo ainda está tonificado, mas, à primeira vista, parece que a idade já dá seus sinais de alerta. Seu personagem continua “pegador”, “garanhão”, o que podia até funcionar bem antes, mas que agora cai na forçação de barra. Se tivessem deixado isso de lado, talvez Triplo X: Reativado tivesse tido mais tempo para melhorar o enredo em si.

Veja Também!  Resenha | Pousando no Amor (Original Netflix)

A direção de DJ Caruso, em sua maior parte, é ótima! Os últimos quarenta minutos do filme se juntam de uma maneira bem divertida. A equipe heterogênea de Xander apresenta uma vibe familiar para os fãs da outra franquia de Diesel, “Velozes e Furiosos”.

No fim das contas, se formos colocar em uma balança, algumas atuações individuais foram maravilhosas. Ruby Rose (De Orange Is The New Black e Megatubarão) arrasou com o seu girlpower. A personagem de Nina é bem bobinha, mas participa de umas cenas legais. Vin Diesel é Vin Diesel e dispensa comentários.

Triplo X: Reativado é relativamente bom para quem curte o gênero de ação, luta e quebra-quebra.

Veja Também!  Ficha Técnica | Esquadrão 6 (Original Netflix)
 

Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.