Ultras foi lançado na plataforma de streaming em 20 de março de 2020. Foi dirigido por Francesco Lettieri e seu elenco conta com Aniello Arena, Ciro Nacca, Antonia Truppo, entre outros nomes.

Enredo de Ultras

Ultras é um tipo de torcida que apoia imensamente o seu time chegando a ter comportamentos violentos. Sandro (Aniello Arena) é um líder de uma dessas torcidas e, quando conhece Terry (Antonia Truppo), começa a querer um futuro melhor tanto para ele, quanto para Angelo (Ciro Nacca), seu amigo que, junto a outros jovens, quer colocar sua próprias regras nos Ultras.

O filme Ultras possui um ritmo extremamente lento. Porém isso não acontece pela obra possuir acontecimentos complexos que exigem mais tempo para a sua digestão, na verdade, a obra possui poucos acontecimentos. Logo, esse ritmo poderia ser justificado pela sua carga dramática, mas isso não funciona do mesmo jeito, a impressão é que o filme possui duas horas e meia de duração, quando possui, na verdade, uma hora e quarenta minutos.

Um dos erros que podem ter ocorrido no roteiro que é o fato de os Ultras serem uma torcida de futebol, só que pouco disso é mostrado, o que pode servir à narrativa mostrando que os Ultras não se importam de verdade com o futebol, mas com a confusão que eles proporcionam.

Elenco e Personagens

Os personagens são muito rasos como a grande parte dos Ultras. Mesmo o trio principal, onde deveria estar a maior construção e aprofundamento, os personagens são pouco explorados. O elenco possui atuações razoáveis como a de Ciro Nacca que entrega uma atuação monótona ao longo do filme, o ator fica com o mesmo rosto praticamente toda a obra personagem ser o clichê do jovem que não encontra seu lugar na sociedade. Há poucas ruins, mas não existem destaques.

Direção e Fotografia de Ultras

A direção deixa o filme extremamente vagaroso, o primeiro ato é muito lento, assim como o segundo. Já no terceiro o filme acelera mais, entretanto já é tarde demais e seu final é do mais puro clichê. A montagem é simples, sem transições complexas e nas cenas de ação existem cortes secos e sem rumo, o que, na verdade, serve à narrativa para mostrar a confusão e desorganização da cena.

A fotografia flutua entre o vermelho e o amarelo, de vez em quando o verde. Além disso, ela é um dos poucos trunfos do filme, já que possui cenas muito bonitas. Ademais, os enquadramentos são bem simples, nada sofisticados e não ajudam na narrativa ou em outro sentimento implícito na cena.

Cenografia e Figurinos

A cenografia dá espaço a prédios, casas, estádios, etc. Nada muito sofisticado, nem que retrate a cultura italiana, a não ser algumas obras arquitetônicas e esculturas.

Os figurinos são mais simples, ainda com roupas extremamente comuns, como camisetas, jaquetas, entre outros.

E você? o que achou do novo filme da Netfilx? conta para a gente nos comentários.


Inscreva-se no nosso canal
 
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.