Seguindo com os lançamentos de fim de ano, a Netflix trouxe mais um título natalino para o catálogo. Um Natal Nada Normal é uma minissérie alemã de três episódios de 50 minutos e que chegou sexta-feira dia 27 de novembro na plataforma de streaming. Você pode conferir aqui a ficha técnica da série.

Enredo de Um Natal Nada Normal

A série conta a história de Bastian (Luke Mockridge), um rapaz que trabalha com telemarketing e está tentando a vida como músico. No entanto, acaba falhando em seu teste e também continua muito mal pelo término de seu namoro. Já estando com muitos problemas, ele vai para a casa dos pais para o Natal, onde ele acredita que renovará suas energias. Porém é lá que ele descobre que seu irmão está namorando com sua ex, Fine (Cristina do Rego). As cenas que se passam serão sobre redescobrimento e reconciliação.

Para ser bem sincera, o roteiro de Christian Huber não traz absolutamente nada de diferente de outros filmes e séries clichês dessa época do ano. A história é previsível e poderia ser reduzida a um único filme de 1h30. Não entendi a necessidade de transforma-la em uma minisserie.

Sendo muito previsível, acaba sendo também não muito interessante de se assistir. Além disso, outros erros técnicos interferem na experiência. Falarei deles nos próximos tópicos.

Elenco e personagens

Os personagens são bem típicos de, novamente, histórias clichês da época. A ex que parece uma deusa e ao mesmo tempo um monstro sem sentimentos pela visão distorcida do protagonista. Além disso, há o irmão com a vida perfeita e agora com a namorada perfeita, vivendo o que o protagonista queria viver. Por fim, os pais que apartam as brigas, mas que também têm seus próprios problemas e que estão em algum tipo de crise interna.

Ah, é claro, o protagonista intenso cuja vida está completamente ruim e é a maior vitima de todas e que é atacado por todos porque tudo é injusto para ele. Há construção de elenco mais batida que essa para títulos de Natal? A série não acrescenta em nada. E o elenco, claro, interpreta dentro das possibilidades de cada personagem.

Direção e fotografia de Um Natal Nada Normal

Um dos maiores erros acredito que foi na fotografia. Ela é mais soturna, o que traz a sensação de que a série é um drama profundo quando, na verdade, ele não passa de uma comédia de humor mais ácido. Enfim, não combina e isso, junto a outros fatores, piora a experiência de assistir ao show.

A direção já é bem típica de qualquer outra comédia romântica de natal. Montagem de cenas bem naturais, a única diferença é que aqui temos um recurso de mostrar uma cena que estaria passando na cabeça do protagonista e, em seguida, vemos ele contendo a raiva e agindo de forma normal.

Cenografia e figurinos

Por fim, essa é uma parte que não precisa de muita análise. As roupas são bem características de roupas usadas em locais frios, assim como a cenografia é bem típica da arquitetura alemã.

E então, o que você achou de Um Natal Nada Normal? Viu algo de diferente? Conta pra gente nos comentários.

Na UOL Play você pode assistir aos melhores filmes e séries sob demanda, além de vários canais de TV por assinatura. Tudo isso no mesmo lugar. Gostou? Experimente por 7 dias grátis! Clique e confira!
Experimente o Telecine por 30 dias grátis! Clique e confira!
Os Livros Mais Vendidos de Hoje: https://amzn.to/3nfT3tC
Roupas com Estampas Geek: https://amzn.to/38ykhrx
Quadros e Placas Decorativas Geek: https://amzn.to/3kjL8JR
Siga o Entreter-se também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.